Crises do governo já foram superadas, garante secretário da Comunicação

JC
Postado em jan 12 2014 - 9:45pm por Jornal da Chapada
robinson

O petista é considerado o preferido do governador Jaques Wagner para disputar a vaga na Câmara Federal | FOTO: Reprodução/Gilberto Júnior/Bocão News|

Candidato a deputado federal, o atual secretário da Comunicação, Robinson Almeida (PT), deve deixar a pasta no próximo dia 15, caso o governador Jaques Wagner permita. De acordo com o petista, ainda não há um nome definido para sucedê-lo. Em entrevista ao site Bocão News, Almeida conta sobre os principais desafios enfrentados à frente da secretaria, mesmo sendo formado em Engenharia Elétrica. Para o gestor, a pasta não foi criada com o objetivo de produzir conteúdo, e sim de democratizar a comunicação e interiorizar as informações.

O petista é considerado o preferido do governador Jaques Wagner para disputar a vaga na Câmara Federal, porém não acredita que o peso do apoio do chefe do Executivo possa ajudá-lo diretamente. O postulante acredita ser necessária a renovação da política brasileira em consonância com os anseios da população. À frente da secretaria nos momentos de crise, como as greves da Polícia Militar e dos professores, Almeida avaliou as consequências das manifestações populares, a crise financeira do estado, a derrota na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), o assalto ao comandante da PM, Alfredo Castro, entre outros assuntos.

Com cautela, o petista ainda avaliou o primeiro ano de gestão do prefeito ACM Neto (DEM) e preferiu minimizar o desgaste com os partidos da base em relação à vaga de vice na chapa com Rui Costa e Otto Alencar. Confira a entrevista na íntegra no site Bocão News.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.