Novo presidente do TJ aperta o cerco dos servidores comissionados

JC
Postado em jan 19 2014 - 2:28pm por Jornal da Chapada
rocha

O desembargador Eserval Rocha é o novo presidente do TJ-BA | FOTO: Divulgação |

O desembargador Eserval Rocha, que assumiu a presidência do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ) recentemente, chamou os ocupantes de cargos comissionados da Corte por meio de um decreto judiciário. Rocha convocou todos os nomeados para funções de confiança, mesmo aqueles de quadro permanente no TJ, para se apresentarem pessoalmente à Chefia de Gabinete da Presidência do tribunal com prazo a partir de segunda (20) até próxima sexta-feira (24).

Eles serão obrigados a informar em que órgão estão lotados e onde trabalham além de entregarem declaração assinada por seus chefes diretos, contendo a relação detalhada da frequência e dos horários ao longo de 2013. Segundo o decreto, caso descumpram a medida, serão exonerados e, se forem concursados, poderão responder a processo administrativo-disciplinar. O presidente justifica como meta o controle de gasto com pessoal e a redução do crescimento da folha de pagamento. A intenção de Rocha é fechar o cerco contra eventuais funcionários fantasmas ou que recebem comissão, mas não aparecem regularmente ao batente.

Vale ressaltar, que a convocação integra o conjunto de medidas de Eserval Rocha para resgatar a credibilidade da Corte, desgastada após a crise que resultou no afastamento da cúpula do TJ. O que inclui a auditoria contratada para devassar os salários no tribunal. As informações são do colunista político Jairo Costa Júnior, do jornal Correio, e a redação do site Bocão News.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.