Polícia Civil da Bahia parou as atividades por 24h nesta sexta

Postado em mar 28 2014 - 7:46pm por Jornal da Chapada
civil

Segundo informações da assessoria de comunicação do Sindpoc, as principais reivindicações dos policiais civis são o reajuste linear salarial de 5,91% e o pagamento da URV | FOTO: Reprodução |

A Polícia Civil da Bahia parou as atividades da categoria por 24h nesta sexta-feira (28). De acordo com o Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Secretaria de Segurança Pública do estado (Sindpoc), a decisão da paralisação foi aprovada pela categoria durante assembleia na última terça-feira (25).

Segundo informações da assessoria de comunicação do Sindpoc, as principais reivindicações dos policiais civis são o reajuste linear salarial de 5,91% e o pagamento da URV. Ainda segundo o Sindpoc, serviços como prisão em flagrante, levantamento cadavérico e crimes contra a criança e o adolescente continuam a ser realizados por 30% do efetivo que está de plantão.

A assessoria ainda informou que uma reunião com todo o funcionalismo público do estado está marcada para às 9h desta sexta-feira, no Sindicato dos Bancários, em Salvador, para discutir as pautas dos servidores estaduais.

Segundo o Sindipoc, representantes de outras categorias como Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário da Bahia (Sinpojud), Sindicato dos Trabalhadores em Saúde (Sindsaúde), Sindicato dos Servidores Penitenciários (Sinspeb), Sindicato dos Trabalhadores Públicos da Área Agrícola (Sintagri), Associação dos Docentes da Universidade do Estado da Bahia (Aduneb), Associação dos Motoristas Oficiais do Estado da Bahia (Asmoeb), Sindicato dos Contabilistas (Sindicontas) e Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sinteb), também vão participar da reunião.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que o cidadão que tiver dificuldade de acesso aos serviços prestados por investigadores e escrivães da Polícia Civil devem procurar os delegados titulares das delegacias territoriais e especializadas, que estarão abertas, atendendo ao público.

O cidadão também tem a opção de acessar a delegacia digital para o registro de ocorrências como furto ou roubo de veículos, arrombamentos de casas comerciais e residenciais, dentre outras. A central de flagrantes, instalada na Avenida ACM, na região do Iguatemi, também é opção para o registro de qualquer ocorrência policial.

Escolas sem aulas
De acordo com a secretaria de Educação do estado, os alunos da rede estadual de ensino estão sem aulas nesta sexta-feira também por causa da paralisação do funcionalismo público que mobiliza diversas categorias no estado, entre elas a dos professores. Ainda segundo a assessoria de comunicação da secretaria de Educação, as aulas serão retomadas na segunda-feira (31). Extraído do Portal G1.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.