Com ameaça de ‘invasão’, Bahia e Vitória duelam em Pituaçu por título

Postado em abr 13 2014 - 12:05pm por Jornal da Chapada

bahiae vitória

O mando de campo é rubro-negro, mas a empolgação está do lado tricolor. Neste domingo, às 16h (horário de Brasília), Bahia e Vitória se enfrentam no estádio de Pituaçu para decidir o título do Campeonato Baiano 2014. O clássico pode ficar marcado por um evento que já é conhecido como a ‘invasão tricolor’. Os 3.200 ingressos colocados à disposição para os torcedores do Bahia se esgotaram em pouco mais de meia hora. Para garantir acesso ao estádio, os tricolores comparam bilhetes destinados a torcedores do Leão, o que pode arruinar a divisão de espaço idealizada pela diretoria do Vitória, que seria de 90% para rubro-negros e 10% para os do Bahia.

E a empolgação do torcedor tricolor tem justificativa. No último domingo, o Bahia venceu o primeiro Ba-Vi da final pelo placar de 2 a 0 na Arena Fonte Nova e reverteu a vantagem que era do rival. Agora, o time comandado por Marquinhos Santos pode perder por até um gol de diferença que, ainda assim, levanta o caneco estadual. Para o Vitória, a única opção é vencer o clássico com uma vantagem confortável. O Rubro-Negro precisa bater o rival neste domingo por no mínimo dois gols de diferença para conquistar a competição.

Precisando de gols, o Leão aposta suas fichas no setor ofensivo, o melhor do Campeonato Baiano, com 26 gols marcados até aqui. Ney Franco fechou treinos durante a semana e procurou esconder o jogo sobre a escalação que começará o Ba-Vi de domingo. No entanto, o treinador deixou escapar que pode se lançar ao ataque com toda força desde o início do confronto, mas sem esquecer que terá 90 minutos para reverter a vantagem construída pelo Bahia no último jogo.

Se o Vitória tem o melhor ataque do Baianão, o Bahia tem a melhor defesa. São apenas oito gols sofridos em 11 jogos disputados. Ainda existe outra estatística favorável ao Tricolor: em apenas duas oportunidades o goleiro Marcelo Lomba saiu de campo tendo tomado dois gols dos adversários na competição. Uma constatação importante, afinal, caso não sofra dois gols, o Bahia será o campeão baiano de 2014. O clássico deste domingo terá arbitragem do carioca Péricles Bassols, integrante do quadro da Fifa. Ele será auxiliado por Rodrigo Pereira (Fifa-RJ) e Kleber Lúcio Gil (Fifa-SC). Do GloboEsporte.com.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.