Chapada: Justiça recebe denúncia contra o prefeito de Itaberaba por crime contra o meio ambiente

Postado em abr 26 2014 - 12:52am por Jornal da Chapada
joão

O prefeito João Filho (PP) destruiu, no mês de agosto de 2006, uma área de preservação permanente de aproximadamente quatro hectares | FOTO: Jornal da Chapada |

O prefeito do município de Itaberaba, na Chapada Diamantina, João Almeida Mascarenhas Filho (PP) não se apruma. Depois de ser denunciado por uma série de irregularidades administrativas, falsidade ideológica, nepotismo e improbidade, o gestor progressista agora é alvo de ação que o acusa de ter cometido crime contra o meio ambiente. De acordo com informações publicadas no site do Ministério Público Estadual (MP-BA), a 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia recebeu na última quinta-feira (24) a denúncia formulada pelo órgão contra João Filho.

Leia também:
Chapada: Presidente da Câmara de Itaberaba foi denunciado ao Ministério Público

Essa denúncia foi apresentada pelo Núcleo de Investigação de Crimes Atribuídos a Prefeitos do MP (CAP), que relatou as ilegalidades cometidas pelo prefeito. Segundo o CAP, as informações constantes no ‘Relatório de Fiscalização Ambiental do Instituto do Meio Ambiente (IMA), indicam que João Filho destruiu, no mês de agosto de 2006, uma área de preservação permanente de aproximadamente quatro hectares. Ele provocou o aterramento da lagoa, sem dispor de nenhuma licença ou autorização ambiental. A área, que é integrante da Bacia do Rio Paraguaçu, fica próxima ao Loteamento Bahia, às margens da BR-242.

Jornal da Chapada com informações do MP-BA.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

1 Comentário Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.