ViaBahia passa quatro meses reconstruindo ponte na BR-324

Postado em maio 22 2014 - 10:35am por Jornal da Chapada
geilson

O deputado estadual Carlos Geilson | FOTO: Reginaldo Tracajá |

Longos engarrafamentos. Essa é a realidade de quem enfrenta a BR-324 diariamente. O motivo é que a ViaBahia está realizando obras de recuperação em duas pontes na rodovia há quatro meses. E por isso, apenas uma pista está liberada, gerando transtornos aos motoristas e congestionamento a qualquer hora do dia. O deputado estadual Carlos Geilson (PTN), que mora em Feira de Santana e trabalha na Assembleia Legislativa da Bahia, em Salvador, é testemunha da morosidade e do descaso da concessionária. “Ontem passei horas para chegar a Feira. O trânsito da BR-324 estava parado. Mais de 20 km de engarrafamento. Imagine quem tem horário marcado e é obrigado a ficar parado por causa dessas obras”, pontuou.

O parlamentar fez uma comparação da demora nas obras da ViaBahia com a ponte de 42 km sobre o mar, que os chineses levaram quatro anos para construir. Segundo Geilson, se a concessionária brasileira executasse uma obra do mesmo porte demoraria um século para ser finalizada. “Há quatro meses a ViaBahia vem construindo uma ponte que fica na entrada de Terra Nova. Pasmem senhores! Quatro meses para construir uma ponte de dez metros. Aliás, construir não, para fortalecer a estrutura de uma ponte já existente. Então percebam o quanto o trabalho é moroso e como a ViaBahia é incapaz, vide aquele buraco na saída de Salvador que durou meses para ser tapado”, criticou Geilson. O discurso que o deputado proferiu na Assembleia Legislativa, na tarde desta quarta-feira (21), em relação ao descaso da ViaBahia, foi corroborado pelos deputados Adolfo Menezes (PSD) e José Neto (PT).

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.