Chapada: Sistema de abastecimento de água em Nova Redenção é ‘destravado’

Postado em maio 18 2017 - 6:17pm por Jornal da Chapada
foto

Na reunião em Salvador, foi informado que o sistema vai beneficiar 2.500 famílias distribuídas em 14 comunidades rurais | FOTO: Reprodução |

Uma audiência realizada na última quarta-feira (17) entre o presidente da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), Rogério Andrade, a prefeita de Nova Redenção, na Chapada Diamantina, Guilma Soares (PT), o líder político Ivan Soares e o deputado estadual Zé Neto (PT), foi realizada para tratar do Sistema de Abastecimento de Água da zona rural do município chapadeiro.

Para a prefeita a reunião foi produtiva. “Ficou decidido que a Embasa vai convocar a Companhia de Engenharia Rural da Bahia [Cerb] para vistoriar o sistema e assumir sua exploração. Mais uma conquista importante do ‘Governo da Reconstrução’”, salientou Guilma.

O Sistema de Abastecimento de Água da zona rural de Nova Redenção foi construído em 2011, na gestão do então prefeito Ivan Soares, ao custo de R$8 milhões, e foi inaugurado em 2015, mas até agora não funciona. Isso por que a Embasa relutava em assumir o funcionamento alegando defeitos na obra. Esse sistema de abastecimento de água vai beneficiar 2.500 famílias distribuídas em 14 comunidades rurais de Nova Redenção.

Jornal da Chapada

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.