Chapada: Prefeito de Mucugê exonera secretária que privou estudantes de alimentos

JC
Postado em jul 10 2017 - 7:15pm por Jornal da Chapada
copy

Márcia Salles teria ordenado que os mantimentos direcionados a 20 universitários em Salvador fossem liberados apenas depois das notas das faculdades serem entregues | FOTO: Montagem do JC |

Depois da polêmica envolvendo universitários de Mucugê, cidade na Chapada Diamantina, residentes da Casa de Estudantes na capital, o prefeito Manoel Luz (PSD) decidiu pela exoneração da secretária de Educação e Esporte, Márcia Salles. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Município desta segunda-feira (10).

Conforme noticiado pelo Jornal da Chapada (veja aqui), a titular da pasta teria privado cerca de 20 moradores da casa universitária de alimentação – trancando os mantimentos em um banheiro e ordenado a entrega apenas depois que estudantes apresentassem as notas dos cursos que fazem nas diferentes faculdades.

A Associação de Casas de Estudantes da Bahia é autora da denúncia contra a secretária. “Foi a melhor coisa que aconteceu. Já houve outros casos de desrespeito por parte dela aqui na região. Esse não foi o primeiro caso”, diz um dos estudantes. O decreto municipal de Nº 205 foi o responsável pela exoneração de Salles do quadro de pessoal temporário da administração de Mucugê.

Jornal da Chapada

Confira a íntegra do decreto
mucugê

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

1 Comentário Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.