Tamanduá-mirim é capturado após aparecer em condomínio residencial de Feira de Santana

Postado em set 18 2017 - 7:50pm por Jornal da Chapada
foto

O tamanduá foi visto pela primeira vez na noite da última quinta-feira, dia 14 de setembro, e foi capturado nesta segunda pelo Inema | FOTO: Reprodução/TV Subaé |

O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) capturou, nesta segunda-feira (18), um tamanduá-mirim que foi encontrado em um condomínio residencial da cidade de Feira de Santana. O animal estava escondido na comunidade desde a quinta-feira (14) e atraiu a atenção dos moradores e da imprensa. Conforme informações divulgadas pelo G1, o Inema, após capturar o tamanduá-mirim levou o animal para uma clínica veterinária do município, onde será examinado para saber se tem condições de ser devolvido à natureza. De acordo com o órgão, se for identificado algum problema no tamanduá durante a avaliação, o animal será encaminhado para o Centro de Triagem de Animais Silvestres, em Salvador.

Segundo relatos, o tamanduá foi visto pela primeira vez na noite de quinta-feira (14). Câmeras de segurança do condomínio, localizado no bairro Papagaio, flagraram o animal transitando entre as casas. Os imóveis foram construídos em um local que antes tinha muitas árvores. Os moradores do condomínio se mobilizaram para tentar capturar o tamanduá, mas não conseguiram porque ele pulava entre os telhados das casas. Após a tentativa sem sucesso, o Inema foi acionado.

Em contato com o G1, a bióloga Luma Borges contou que o tamanduá-mirim tem hábitos noturnos. “Ele [o tamanduá] é presente em todos os biomas. Ele migra do habitat natural para buscar alimento. Ele se alimenta de cupins e formigas. Como está ocorrendo desmatamento para a construção de condomínios residenciais, ele acaba migrando e, por isso, acaba ocorrendo esses fatos”. Com informações do G1.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.