#Polêmica: Prefeitos afastados do sul da Bahia terão que usar tornozeleira eletrônica

Postado em nov 13 2017 - 11:17pm por Jornal da Chapada
capa

A PF chegou a pedir a prisão dos três prefeitos, mas o Tribunal Regional Federal da 1ª Região negou | FOTO: Montagem do JC |

Diversas medidas cautelares foram aplicadas aos prefeitos de Eunápolis, Robério Oliveira, de Porto Seguro, Cláudia Oliveira, e de Santa Cruz de Cabrália, Agnelo Santos, pela juíza Rogéria Maria Castro, da 2ª Seção do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1). Uma delas foi o uso da tornozeleira eletrônica.

Os gestores do município também devem comparecer periodicamente em juízo, para informar e justificar suas atividades, além de estarem proibidos de acessar ou frequentar determinados ambientes para evitar riscos de novas infrações e de manter contato com determinadas pessoas relacionadas ao delito.

A juíza também suspendeu o exercício da função pública ou de atividade de natureza econômica ou financeira dos prefeitos. As medidas cautelares substituem um pedido de prisão preventiva, que segundo a juíza Rogéria Maria Castro só deve ser decretada em situações extremas. As informações são Política Livre.

Leia também
#Bahia: PF não consegue localizar prefeitos alvos de operação por fraude em licitações
#Bahia: Prefeitos de municípios do sul baiano são alvos de operação da Polícia Federal

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.