Jornal da Chapada

Na véspera de reunião em Brasília, Rui afirma: “precisamos canalizar nossas energias para o bem”

foto67
O governador da Bahia, Rui Costa | FOTO: Manu Dias/GOVBA |

Garantir a governabilidade no país frente à atual crise política é o principal objetivo da reunião que acontecerá, nesta terça-feira (22), em Brasília, com os 27 governadores e a presidente Dilma Rousseff. O governador Rui Costa, que estará no encontro no Distrito Federal, criticou o clima de ódio e confrontos decorrentes da crise política que o País está vivendo atualmente e acrescentou: “precisamos canalizar nossas forças, nossas energias para o bem, para, mesmo na divergência, encontrar consenso”.

Para Rui, “nós não estamos vivendo só uma crise política e econômica, nós estamos vivendo uma crise civilizatória”, destacou Rui, lembrando que o Brasil sempre ostentou a imagem de um povo tolerante, embora com forte desigualdade social, capaz de conviver pacificamente em um clima de harmonia. “Não é possível que por ter opiniões diferentes, as pessoas estejam se agredindo, inclusive fisicamente, com ódio, com raiva, xingamentos, com agressões. Isso não faz parte da história do brasileiro, isso não nos ajudará a superar as dificuldades que são comuns em um país em desenvolvimento”.

Na avaliação do governador Rui Costa o momento vivido no país “precisa de uma reflexão coletiva o mais rápido possível, antes que nós caminhemos para uma situação ainda mais triste e mais dramática do que essa”. Diante da crise, o governador tem mantido firme o trabalho em Salvador e no interior do estado. Na manhã desta segunda-feira (21), Rui entregou 100 unidades habitacionais em Alagados. Os residenciais foram construídos por meio do Programa Casa da Gente e contaram com um investimento de R$ 7,5 milhões, em recursos próprios do Governo do Estado.

Pular para a barra de ferramentas