Jornal da Chapada

Salvador: Solar Unhão sedia o programa ‘Esquenta!’ da TV Globo nesta terça

Museu de Arte Moderna fica na avenida contorno em Salvador | FOTO: Robson Mendes/Secom |

O complexo arquitetônico-histórico do Solar Unhão, originário do século XVII, tombado desde 1943 como Patrimônio do Brasil e localizado às margens da Baía de Todos os Santos, em Salvador, sedia nesta terça (23) uma etapa do programa Esquenta! da TV Globo apresentado pela atriz Regina Casé. Cerca de 20 pessoas da equipe estarão gravando durante três horas seguidas no Unhão, como parte do novo formato do programa que vai contar com festas, conversas em estúdio e viagens pelo país.

“Outros locais de Salvador estão agendados para gravação, como Farol da Barra, Dique do Tororó e a Igreja do Rosário dos Pretos, no Pelourinho”, diz a assistente de produção do programa, Tarsila Aires. O Unhão abriga o Museu de Arte Moderna (MAM) e ambos são administrados pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (IPAC), que fez a restauração da Igreja do Rosário no Pelourinho, outra locação. “Precisamos estimular as produções locais, nacionais e internacionais que desejem ter um acervo arquitetônico como o Unhão/MAM no cenário de filmes e programas, isso divulga o bem cultural, a Bahia e sua capital”, diz o diretor geral do IPAC, João Carlos de Oliveira.

Permissões e parcerias
Permissões de gravação de TV ou filmes só são liberadas pelo IPAC após análises técnicas que garantam a preservação do patrimônio edificado. A iniciativa integra ainda o programa de parcerias público-privadas para ocupação de espaços do IPAC, que além do Unhão/MAM, faz a gestão do Passeio Público (Campo Grande), Palacete das Artes (Graça) e Praça das Artes (Pelourinho), dentro outros. Algumas dessas parcerias acontecem com contrapartidas financeiras ou benefício aos locais utilizados.

“Esses espaços e museus necessitam de dinamismo e diálogo, inserção de projetos contemporâneos, experiências colaborativas museológicas bem-sucedidas e diversidade ampla de uso cultural”, complementa João Carlos. Na primeira quinzena de julho deste ano (2016), o IPAC também fez parceria com o longa-metragem ‘Dona Flor e seus Dois Maridos’, da obra de Jorge Amado, cedendo algumas casas no Pelourinho para as filmagens. A direção é de Pedro Vasconcellos, com Marcelo Faria (Vadinho), Juliana Paes (Dona Flor) e Leandro Hassum (Teodoro).

Pular para a barra de ferramentas