Ifba de Seabra realiza terceira audiência pública para definir curso superior na Chapada Diamantina

Postado em nov 9 2018 - 1:18pm por Jornal da Chapada

O evento contribuiu para definir ações, para realização desse projeto mediante votação | FOTO: Montagem do JC/Divulgação |

O Instituto Federal da Bahia (Ifba) de Seabra, na Chapada Diamantina, realizou mais uma audiência pública no último dia 7 de novembro para discutir – no auditório do campus – a relevância do curso superior no instituto. O encontro contou com a presença do representante do legislativo, Lauro Oliveira, da representante do conselho, Cristina Martins, do secretário da Educação, Enoque Francisco, do presidente da comissão dos cursos superiores, Carlos Carvalhido, da diretora acadêmica, Juliana Martins, do diretor geral, Robson Menezes, e do diretor administrativo, Darilio Pires. Segundo Lauro Oliveira, essa audiência foi relevante para toda a Chapada Diamantina, tendo em vista que os estudantes do Ifba são da região.

“Dessa forma toda comunidade precisa solicitar que os cursos superiores sejam implantados aqui”, afirma o secretário da Educação Enoque Francisco. Várias representações participaram do evento, dentre elas a Unopar, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Recreart. “Labutamos desde 2013, e hoje precisamos deste apoio”, afirma Carlos Carvalhido. “É necessário lutar pelos seus direitos” reforça Francisco, pois “estamos com um sonho a ser realizado”, completa o diretor geral do Ifba, Robson Menezes.

O evento contribuiu para definir ações, para realização desse projeto mediante votação. “Não vamos medir esforços para alcançar esse objetivo. Estamos aqui pra discutir a demanda da comunidade e possibilidade de recursos do IFBA”, ressalta o diretor administrativo Darilio Pires. No intuito de que todas as pessoas participem desse processo de escolha de curso e melhor atender as demandas do coletivo, foi consentido que definisse algumas opções de cursos cabíveis no orçamento da instituição, a ser disponibilizado também, por meio de uma enquete on-line, para depois marcar uma nova audiência, com o maior número de pessoas possíveis, dentre elas comunidades tradicionais e moradores da região. Com informações de assessoria.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.