CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia
Trending

Chapada: Polícia conclui investigações e indicia comerciante por estupro de vulnerável em Piatã

Ari Rodrigues teve a prisão preventiva solicitada à Justiça, pelo delegado Paulo Henrique, mas ainda não foi decretada.

A Delegacia Territorial (DT) do município de Piatã, na Chapada Diamantina, concluiu as investigações, na última quarta-feira (25), sobre a prática de estupro de vulnerável e fornecimento de bebida alcoólica para adolescentes.

O acusado da autoria dos crimes, o comerciante Ari Rodrigues Pinto, foi indiciado por estupro de vulnerável contra uma garota de 12 anos e por fornecer bebida alcoólica a outras adolescentes, durante um evento, em uma escola da região, nos meses de julho e agosto deste ano.

De acordo com o titular da unidade, delegado Paulo Henrique de Oliveira, a denúncia partiu de duas adolescentes, que apresentaram as bebidas naquela delegacia.

“Elas informaram que receberam do comerciante duas garrafas da bebida alcoólica. A partir das investigações, constatamos a prática de abusos sexuais contra uma das vítimas”, explicou.

Ari Rodrigues teve a prisão preventiva solicitada à Justiça, pelo delegado Paulo Henrique, mas ainda não foi decretada. Ele responde pelos crimes em liberdade. As informações são de assessoria.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas