Jornal da Chapada

#Brasil: Comida da deputada Flordelis para o filho foi apreendida com suspeita de envenenamento, revela CNN

Comida seria entregue ao filho da deputada, preso na Cadeia Pública Tiago Telles de Castro, em São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro.

Os agentes penitenciários da Cadeia Pública Tiago Telles de Castro, em São Gonçalo, região metropolitana do Rio de Janeiro, não permitiu que a deputada federal Flordelis dos Santos levasse alimentos para o filho adotivo Lucas Cezar Santos, preso no local. A tentativa ocorreu em março deste ano, mas só foi revelada agora à CNN pela empresária Regiane Rabelo, ex-patroa do rapaz.

Regiane impediu que o alimento chegasse até Lucas pois acreditava que a refeição estava envenenada. O jovem é acusado de envolvimento na morte do pastor Anderson do Carmo.

Segundo investigações da Divisão de Homicídio de Niterói, o envenenamento era uma prática usada de forma reiterada para tentar matar o pastor Anderson do Carmo. Regiane Rabelo, que também é uma das testemunhas do caso, conta que Flordelis agiu meses antes do crime já pensando em atribuir o assassinato do pastor ao filho adotivo. A redação é do site Metro 1.

Pular para a barra de ferramentas