Jornal da Chapada

#Bahia: Inema devolve jacaré-anão resgatado em praia de Salvador ao seu habitat natural

O animal que tem 1,60m de cumprimento, macho e pesando 27,5 quilos foi avaliado pela equipe de médicos veterinários e biólogos do Cetas e em menos de 24h encaminhado para o seu habitat natural.

O Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), por meio do seu Centro Estadual de Triagem de Animais Silvestres (Cetas) realizou na manhã desta sexta-feira (16) a soltura do jacaré-anão (Paleosuchus palpebrosus) resgatado pela Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa), na última quinta-feira (15), na praia de Jaguaribe, em Salvador.

O animal que tem 1,60m de cumprimento, macho e pesando 27,5 quilos foi avaliado pela equipe de médicos veterinários e biólogos do Cetas e em menos de 24h encaminhado para o seu habitat natural. A área de soltura foi a Reserva do Eco Parque Sauípe, gerido pelo Instituto Fábrica de Florestas (IFF).

Esse local fica dentro da APA do Litoral Norte e é uma área de ocorrência da espécie, possui habitar propício para seu desenvolvimento como lagoas, áreas embrejadas e remanescentes de Mata Atlântica. Também é um Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica (RBMA), dando assim garantia de preservação do ambiente.

Cetas
O primeiro Centro Estadual de Triagem de Animais Silvestres sob gestão do Governo do Estado na Bahia, foi inaugurado no dia 30 de julho deste ano e, por meio de uma parceria com a Universidade Federal do Recôncavo Baiano (UFRB), já segue em plena atividade. á o Centro da capital baiana foi inaugurado no dia 30 de agosto e também já segue com as suas atividades normais e ambos são geridos pelo Inema.

Munidos de especialistas das mais diversas áreas da gestão de fauna, além de equipamentos para o manejo do dia a dia com os animais que chegam precisando de cuidados, o espaço é utilizado para receber animais silvestres que cheguem por meio de entrega voluntária, apreensão oriunda de fiscalização, vitimas de maus-tratos ou de qualquer outra demanda que necessite de atenção especializada até o momento de soltura à sua área de origem. As informações são de assessoria.

Pular para a barra de ferramentas