Jornal da Chapada

#Salvador: Festa de Iemanjá será sem público e terá ‘presente’ coletivo com transmissão online

Acesso à praia ficará fechado desde dia 1º de fevereiro; comercialização de bebidas está proibida e depósitos serão fechados.

A tradicional Festa de Iemanjá, realizada no bairro do Rio Vermelho, em Salvador, todo dia 2 de fevereiro, não terá presença de público neste ano. Um “presente” coletivo será levado ao mar pelos pescadores e entidades religiosas às 8h. O acesso à praia ficará fechado desde o dia 1º de fevereiro.

Os depósitos de bebidas do bairro serão fechados não será permitida a comercialização de bebidas. Postos de gasolina também não podem vender bebidas, assim como delicatessen, padarias e afins. Bares e restaurantes ficarão fechados durante o dia e só poderão abrir a partir das 19h.

Também fica proibido o funcionamento de food trucks, de comércio informal, vendedores ambulantes, carros de som e afins. Podem funcionar normalmente os serviços essenciais, como hospitais, padarias, supermercados, açougues, farmácias, agências bancárias e estabelecimentos delivery, mas sem vender bebidas alcoólicas.

Praia ficará restrita do acesso na Rua Barro Vermelho à Rua Pedra da Sereia, na região da Paciência. Restrição não se aplica ao trânsito, que funcionará normalmente | FOTO: Divulgação/Prefeitura de Salvador |

A praia ficará restrita do acesso na Rua Barro Vermelho à Rua Pedra da Sereia, na região da Paciência. Confira mapa acima. O trânsito não será interrompido em nenhum momento do dia e funcionará normalmente, sem barreiras.

O presente que será levado às 8h sairá do Dique do Tororó. Para quem precisa levar presentes ao mar por obrigações religiosas, a prefeitura informou que a entrega poderá ser feita em outras praias e outros pontos da orla da capital. A medida foi tomada para evitar que haja aglomerações. Os dados são do G1.

Pular para a barra de ferramentas