Jornal da Chapada

#Chapada: Novo óbito por covid-19 registrado em Itaberaba eleva o número de mortos para 79 e taxa de UTI cai para 90%

Desde o início da pandemia, foram confirmados 4.871 casos de covid-19 na cidade, sendo 4.604 curados.

Um novo óbito por complicações da covid-19 foi registrado no município de Itaberaba, portal de entrada da Chapada Diamantina, de acordo com dados divulgados nesta segunda-feira (19) pela Secretaria Municipal de Saúde. Com isso, subiu para 79 o número de mortes por complicações da doença.

Desde o início da pandemia, foram confirmados 4.871 casos de covid-19 na cidade. Atualmente são 188 pessoas com o vírus ativo na região, 150 pessoas foram enquadradas como suspeita de infecção, 4.604 já foram curados e 338 casos em monitoramento pelas equipes de saúde.

Os bairros da zona urbana com o maior número de pessoas com casos ativos são: ‘São João’ (21), ‘Centro’ (14) e ‘Costa e Silva’ (13). Na zona rural, a ‘Vila São Vicente’ aparece com 12 pessoas infectadas pela covid-19, seguido de ‘Serra Verde 2’, com três pessoas infectadas pelo vírus.

Taxa de ocupação de leitos
A taxa de ocupação das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) caiu para 90%, ou seja, dos 20 leitos, 18 estão ocupados. Em contrapartida, a taxa de ocupação dos leitos clínicos aumentou para 60% com 12 leitos ocupados dos 20 existentes, de acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Vacinação
Um novo público começa a ser vacinado nesta segunda-feira (19). A prefeitura segue avançando na imunização dos moradores e, agora, pessoas com 60 anos ou mais podem se vacinar no drive-thru no Ginásio de Esportes ou no posto fixo na área interna do ginásio.

Para o público-alvo se vacinar é necessário a apresentação do cartão do Sistema Único de Saúde (SUS) e o documento com foto. “A aplicação da segunda dose também continua nos dois pontos de vacinação. Quem estiver no período de aplicação, deve comparecer ao local com o cartão de vacina”, informa a prefeitura, por meio das redes sociais.

“Profissionais da segurança pública (bombeiros, policiais militares, PRF, SMTT, guardas civis municipais, policiais civis) acima de 50 anos também estão dentro do público-alvo desta etapa”, completa.

Jornal da Chapada

Pular para a barra de ferramentas