Jornal da Chapada

#Bahia: Mulher que viveu em cárcere privado durante 15 anos ganha ‘dia de princesa’ em Salvador após promessa de comandante da PM

Mulher fez hidratação nos cabelos, manicure, design de sobrancelhas e maquiagem.

Uma mulher que foi libertada de cárcere privado, em outubro do ano passado, em Salvador, ganhou um ‘dia de princesa’, na segunda-feira (5). O presente, que incluiu hidratação nos cabelos, unhas feitas, design de sobrancelhas e maquiagem, foi uma promessa feita pela comandante da Base Comunitária do Calabar, capitã Aline Muniz, quando a vítima foi resgatada com os três filhos.

Patrícia Barbosa e os três filhos, de 15, 9 e 7 anos, sofreram abusos físicos e psicológicos por cerca de 15 anos. Quando foi encontrada, a mulher estava sem os dentes. Atualmente, ela conta com medida protetiva e permanece acompanhada pela Operação Ronda Maria da Penha.

“Quando encerramos a situação de violência prometemos a ela um dia de princesa e ontem, com o apoio de nossos parceiros, conseguimos realizar esse desejo. Também conseguimos cuidar dos dentes dela e colocar implantes”, disse a capitã Aline Muniz.

A oficial Calabar lembra que ao chegar na casa onde família vivia, logo foi notada a gravidade da situação. “Percebemos que a mulher e seus três filhos sofriam violência doméstica e viviam em situação de cárcere privado. Fizemos o resgate da família e encaminhamos para a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher para formalização do crime”, lembrou Aline.

A unidade de policiamento comunitário conseguiu um abrigo para a família, posteriormente transferida para um imóvel alugado com o apoio da prefeitura. Patrícia Barbosa recebe parte do aluguel e o benefício Bolsa-Escola.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), o agressor foi preso em fevereiro deste ano, quatro meses depois do resgate, durante ação conjunta das polícias Civil e Militar, após mandado ser expedido pela 4ª Vara de Violência Doméstica. A redação é do site G1.

Pular para a barra de ferramentas