Jornal da Chapada

#Brasil: Piloto do barco dos assassinos do caso Bruno e Dom se entrega à polícia

Gabriel Pereira Dantas, suspeito envolvido nos assassinatos do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips | FOTO: Divulgação/Policia Civil |

Gabriel Pereira Dantas, de 26 anos, é o quarto suspeito envolvido nos assassinatos do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips, na Amazônia, a ser preso. Ele se entregou à polícia de São Paulo, nesta quinta-feira (23). Em depoimento, Dantas informou que pilotava o barco utilizado pelos assassinos.

O suspeito afirmou, em depoimento, que estava em um bar bebendo quando Amarildo da Costa Oliveira, conhecido como Pelado, o chamou para pilotar um barco.

Ele disse aos policiais que não tinha conhecimento dos planos de assassinar Bruno e Dom. Além disso, afirmou que Pelado atirou primeiro no jornalista e depois no indigenista, com uma espingarda calibre 16. Portanto, segundo Dantas, não houve troca de tiros, mas, sim, execuções.

Depois de matarem os dois, os criminosos rebocaram o barco das vítimas até uma área mais escondida da floresta, retiraram os corpos e esconderam os pertences.

Dantas informou que é de Manaus, mas morava em Atalaia, município próximo ao Vale do Javari, porque foi “jurado de morte” pelo Comando Vermelho.

Suspeito diz que se entregou porque não aguentava mais “viver com a culpa”
Após o crime, ele fugiu para Santarém, no Pará, e foi de ônibus para São Paulo, onde passou a morar na rua. O suspeito revelou, ainda, que se entregou porque não aguentava mais “viver com a culpa”. Dantas foi encaminhado para a Polícia Federal, de acordo com o R7.

Antes dele, Pelado, seu irmão, Oseney da Costa Oliveira, o Dos Santos, e Jeferson da Silva Lima, conhecido como Pelado da Dinha, já tinha sido presos. Os restos mortais de Bruno e Dom foram entregues às famílias nesta quinta (23).

Padre Julio Lancellotti celebra missa em homenagem a Bruno e Dom
O padre Julio Lancellotti vai celebrar uma missa em memória de Bruno Pereira e Dom Phillips, nesta sexta-feira (24), às 7 horas, na Matriz Paroquial São Miguel Arcanjo. O endereço é Rua Taquari, 1.100, Mooca, São Paulo. Com informações da Revista Fórum.

Pular para a barra de ferramentas