Delegado goiano que trocou de sexo consegue direito de mudar o nome

Postado em fev 18 2014 - 9:27pm por Jornal da Chapada
mulher

A mudança física já havia sido feita, só faltava a jurídica | FOTO: Montagem JC |

A delegada goiana que nasceu homem fez uma cirurgia de mudança de sexo e obteve, nesta segunda-feira (17), o documento que a autoriza a mudar de nome. Com a mudança, a delegada se chamará Laura de Castro Teixeira. O atual nome de registrado é Thiago de Castro Teixeira. A sentença do processo corria na 6ª Vara de Família da capital goiana. Para a delegada, o momento representa o fim do que ela chamou de ciclo. “Agora, sou uma mulher por completo. A mudança física já havia sido feita, só faltava a jurídica. Só o nome que não estava adequado”, disse ao G1.

Após cinco meses de licença, Laura voltou ao trabalho, no dia 6 deste mês, no cargo de delegada plantonista da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Goiânia. Thiago disse que só vai dar entrada na mudança de documentos amanhã (19). A nova mulher terá nova Certidão de Nascimento e Carteira de Identidade. Assim como, Carteira Nacional de Habilitação (CNH), e a renovação do registro da arma particular e identidade funcional. Ela terá de fazer as mudanças nos documentos, um por um, já que isso não feito de forma automática.

Como Thiago, a delegada atuou nas delegacias de Senador Canedo e Trindade, cidades da Região Metropolitana de Goiânia, como titular. Além disso, foi chefe do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) em Porangatu, no norte de Goiás. Com informações do G1 e do Brasília em Pauta.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.