Aleluia diz que “anúncio de Dilma da duplicação da BR-101 é eleitoreiro”

Postado em abr 30 2014 - 12:25pm por Jornal da Chapada
aleluia

O ex-deputado federal é atualmente presidente do DEM na Bahia | FOTO: Assessoria |

O presidente estadual do Democratas, José Carlos Aleluia, não se convenceu com as explicações da presidente Dilma Rousseff pela não duplicação até hoje do trecho da BR-101 em território baiano, enquanto em todos os outros estados isso já ocorreu. “Na entrevista que deu a Levi Vasconcelos e Mário Kertész, na manhã desta quarta-feira, ela disse um bolodório danado para deixar claro que o anúncio da licitação das obras de um dos trechos baianos só se deu, porque Aécio se comprometeu publicamente que a duplicação da BR-101 na Bahia seria uma das primeiras medidas de seu governo, no caso de eleito”, comentou o líder democrata.

Para Aleluia, a iniciativa tardia de Dilma é apenas um ato eleitoreiro. “Na entrevista, ela ficou toda embaraçada e não respondeu afirmativamente, quando o jornalista Levi Vasconcelos lhe perguntou se seria possível a contratação do trecho baiano da rodovia, que vai da divisa com Sergipe a Feira de Santana, ainda este ano”.

Outro aspecto observado por Aleluia da entrevista de Dilma à imprensa baiana foi a reação de quem não gostou da pergunta, chegando a repreender discretamente Levi, quando ele fez o questionamento de que a violência que se alastra pelo país estaria contaminando o programa habitacional Minha Casa Minha Vida. “Parece que Dilma ainda não entendeu o recado do povo dado nas pesquisas de opinião, onde a aprovação de seu governo cai vertiginosamente. Os brasileiros não aguentam mais tanta desfaçatez e autoritarismo”, disse o presidente estadual do Democratas.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.