Nova Redenção: Prefeitura entrega Academia da Saúde, inaugura Centro de Fisioterapia e reforma da praça

Postado em jul 10 2017 - 1:43pm por Jornal da Chapada
foto1

Políticos locais inauguraram o novo equipamento público que vai auxiliar a população a manter a saúde em dia | FOTO: Divulgação |

A administração ‘Governo da Reconstrução’, da prefeita Guilma Soares (PT), do município de Nova Redenção, na Chapada Diamantina, entregou a Academia da Saúde na última sexta-feira (7). Para levar mais esse equipamento à população foi preciso reestruturar o Centro de Fisioterapia e reformar a Praça J.J. Seabra. Na oportunidade, também foi entregue um carro novo para ser utilizado pela Secretaria Municipal de Saúde no atendimento aos munícipes. A Academia da Saúde servirá à população para prática de exercícios localizados, além de ajudar pacientes que necessitem de fisioterapia ou reabilitação por traumas ortopédicos.

Para tanto, foram instalados na praça diversos aparelhos para exercícios físicos, tendo a disposição da população um professor de educação física para orientar no uso dos aparelhos. Vale salientar que a academia tem expectativa de receber cerca de 190 pessoas por mês, apenas para procedimentos fisioterapêuticos. A prefeita Guilma e o líder político Ivan Soares acompanharam de perto todos os trabalhos realizados pelas equipes para organização e instalação dos novos aparelhos da academia. Durante a inauguração, Ivan Soares falou sobre a importância do investimento.

“Academia da Saúde complementa o cuidado integral e fortalece as ações de promoção da saúde em articulação com outros programas e ações de saúde que estão sendo desenvolvidos e implantados no município, o que melhora de forma significa o sistema de Saúde de Nova Redenção”. Vale lembrar que a Academia da Saúde teve recursos federais, mas o interior dela, toda a estrutura para funcionamento da fisioterapia, foi feito com recursos próprios do município.

foto3

População comparece e conhece os espaços da Academia da Saúde | FOTO: Divulgação |

Já a Praça J.J Seabra, foi encontrada pelo ‘Governo da Reconstrução’ completamente destruída. Inclusive, nesse local ficava uma quadra poliesportiva que foi demolida pela gestão anterior, quando deveria ter feito uma cobertura para entregá-la ao povo. A prefeita Guilma disse ao Jornal da Chapada que está tomando providências para resolver a questão da quadra e reconstruí-la. “Lamento o fato de os jovens da cidade não terem mais a quadra que foi destruída pela ex-gestão”, disse.

Centro de Fisioterapia
O Centro de Fisioterapia ficará sob responsabilidade da Dra. Polyanna Pimentel e sua equipe, que organizou a academia com aparelhos de última geração, que tiveram que ser comprados novamente porque a gestão anterior teria deixado o centro sucateado, com aparelhos quebrados, bolas para exercícios furadas, por exemplo. “Foi preciso aplicar recursos próprios para a fisioterapeuta poder trabalhar, pois não encontramos nada no centro”, contou Guilma Soares.

Também participaram do ato inaugural o vice-prefeito Ademar Martins, Lívia Oliveira, Consultora de Saúde do município, secretários municipais, vereadores, o grupo do Cras ‘Raízes da Terra’ e representantes do deputado estadual Zé Neto (PT), além da população que, apesar da chuva e do frio, fez questão de prestigiar o momento. Em discurso a prefeita Guilma Soares disse que a Secretaria de Saúde em breve contará com mais uma ambulância, além do veículo novo entregue.

foto2

A prefeita Guilma Soares destaca que as ações de sua gestão pertencem ao povo | FOTO: Divulgação |

“As secretarias de Ação Social e Educação também receberão carros que já estão sendo providenciados”, disse a prefeita. Ela informou a população que o quiosque da Praça J.J. Seabra foi reformado e agora servirá de lanchonete para venda de lanches, sucos e produtos naturais. A prefeitura ainda fará o processo de escolha daquele que administrará o quiosque.

A prefeita finalizou dizendo que todas aquelas obras, assim como as demais realizadas em um município, não pertencem a prefeito algum e que, portanto, ele também não tem o direito de destruir aquilo que outro fez como aconteceu em Redenção. “Tudo isso tem dono e o dono é o povo”, disse. O líder político Ivan Soares também discursou. Em sua fala ele disse ter realizado o cadastro para pedido da Academia durante seu mandato, em 2011, e que ela foi liberada em 2015, na gestão passada, mas a obra que ficou inacabada, tendo que ser concluída e inaugurada agora pelo ‘Governo da Reconstrução’.

“O mesmo caso de abandono, aconteceu com a Unidade Básica de Saúde (UBS), do bairro Casas Populares que a ex-gestora também poderia ter terminado, mas por ‘birra’ ou incompetência mesmo, também não fez”, afirmou Soares. Ivan disse que a filosofia de trabalho da gestão Guilma Soares, é o contrário a da antiga gestora, e que todo projeto que tenha sido deixado abandonado ou dado como perdido pela ex-gestão, serão retomados, concluídos e entregues ao povo de Nova Redenção. Jornal da Chapada com informações de assessoria.

Veja mais imagens do evento

Este slideshow necessita de JavaScript.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.