Jornal da Chapada

Problemas no Posto de Saúde do Nordeste de Amaralina; vereador pede providências

Na visita à comunidade do Nordeste, Suíca teve a oportunidade de ouvir a indignação de vários moradores e usuários do posto de saúde | FOTO: Ascom |

A população do Nordeste de Amaralina, bairro tradicional de Salvador, relatou problemas estruturais do posto de saúde que atende a região. Durante visita do vereador Luiz Carlos Suíca (PT), na manhã desta sexta-feira (7), lideranças comunitárias e a direção da unidade apresentaram as demandas e pediram intervenção do edil no diálogo com a Prefeitura para sanar os problemas. Para o petista, embora o setor de saúde seja o carro chefe da Prefeitura, a área continua apresentando várias falhas. “Esse posto fica no final de linha, ao lado da delegacia, e havia uma fila grande e poucos funcionários para fazer a triagem, mas o principal problema constatado foi de infraestrutura. Existe uma fossa entupida que transforma o local em área insalubre. Tem uma presença grande de pombos, faltam salas, além de ter parede mofada”, aponta o edil.

Na visita à comunidade do Nordeste, Suíca teve a oportunidade de ouvir a indignação de vários moradores e usuários do posto de saúde. Ele também conversou com Manuela Moreira, gerente do posto. “A população diz que já encaminhou essas solicitações para o Distrito de Saúde Regional, Prefeitura Municipal e para a Secretaria de Saúde. É importante ressaltar o trabalho de Manuela, que tem feito o melhor com os recursos disponíveis. O carro chefe da Prefeitura supostamente é a saúde, área que está apresentando muitos problemas”, informa o vereador. Além disso, apenas duas trabalhadoras terceirizadas estão na unidade. Mesmo não tendo recebido as devidas indenizações pela empresa Dominu, elas continuam trabalhando para garantir a limpeza.

“O sindicato vai solicitar a ampliação do efetivo para não sobrecarregar as profissionais, assim como acontece com outros trabalhadores”. A unidade necessita pelo menos de mais um ginecologista, devido à demanda. Os problemas na estrutura são somados aos externos na unidade de saúde do Nordeste de Amaralina. Foi encontrado no fundo do posto um terreno baldio, de propriedade da prefeitura, que será indicado pelo vereador Suíca para a construção de uma unidade do Programa Saúde da Família (PSF). “Existe um déficit no posto de saúde do bairro. A prefeitura está procurando um local para construir um PSF e esse terreno garante totais condições para essa construção”, completa o petista. O vereador tem no seu cronograma, visitas a outros postos de saúde e vai continuar a cobrar providências.

Pular para a barra de ferramentas