Jornal da Chapada

Pojuca: vamos tentar reverter esta rejeição de contas, diz prefeito

Prefeito Antônio Jorge de Aragão |FOTO: Divulgação|

Com a rejeição das contas da Prefeitura de Pojuca, do exercício de 2013, publicada terça-feira (11) pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), e as denúncias contra o sistema de transporte público da cidade, após acidente com ônibus escolar que deixou dez feridos no início de outubro, a gestão do prefeito Antônio Jorge de Aragão Nunes (PDT) está em xeque.

Mesmo afirmado estar tranquilo sobre a lisura da sua administração, Dr. Toinho, como é conhecido na região, diz estar empenhado em reverter o quadro junto ao TCM.

“Vamos tentar reverter esta rejeição, já que é preciso uma avaliação técnica para apurar melhor a votação. Para isso, é necessário obter a publicação com voto do relator (José Alfredo) para um melhor entendimento da situação”, disse Antônio Jorge ao Bocão News.

O relator e conselheiro José Alfredo imputou multa no valor de R$ 10 mil entre as gestões da ex-prefeita Ana Cristina Nunes Moreira (7 mil), e do atual gestor, Antônio Jorge de Aragão Nunes (3 mil).

Transporte e lixo, problemas à parte

Questionado sobre a situação dos ônibus municipais, denunciados pelo vereador Adriano de Biriba (PSD) como inaptos para uso por falta de fiscalização da Prefeitura, Antônio Jorge reiterou o que já tinha dito em entrevista ao Bocão News, afirmando legalidade nas empresas de transporte e que o município fiscaliza o serviço regularmente. O prefeito classifica as acusações como um jogo político da base contrária à sua gestão. Na época, ‘Biriba’ creditou o acidente a uma suposta falta de freios no veículo.

Também procurado por nossa reportagem, o responsável pela CF Transporte e Logística, que presta serviço para a Atlântica Transporte, de prenome Wendel, não quis se declarar sobre as acusações, destacando que “o que tinha de ser dito, já foi dito”.

Em tempo, segundo informações obtidas com moradores da cidade, mesmo após o acidente na entrada do Povoado de Miranga, distrito de Pojuca, os ônibus transitam normalmente pela cidade e região sem que correções tivessem sido feitas. Além disso, o serviço de coleta de lixo do município vem sofrendo paralisações por conta de “pendências administrativas”. Extraído do Bocão News.

Pular para a barra de ferramentas