Jornal da Chapada

Brasil: Grupo de Ciro e Cid Gomes troca o PROS pelo PDT

Ex-governadores do Ceará, Ciro e Cid Gomes | FOTO: Foto: Divulgação

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, deixou o PROS e está agora no PDT para disputar a reeleição em 2016. O irmão dos ex-governadores do Ceará, Ciro e Cid Gomes, o deputado estadual Ivo Gomes, também trocou o PROS pelo PDT para se candidatar a prefeito de Sobral, no ano que vem. Neófita na política, a irmã caçula dos Gomes, Lia Gomes, também foi para o PDT para se candidatar a prefeita de Caucaia, em 2016.

Praticamente todo o grupo seguidor dos irmãos Gomes no Ceará já assinou ficha de filiação ao PDT. Até agora, 63 prefeitos deixaram o PROS e estão no PDT para as eleições de 2016. A próxima etapa de filiação ainda nesta semana é para vereadores, deputados estaduais e deputados federais.

Os irmãos Ciro, Cid, Ivo e Lia já estão filiados ao PDT. Ciro e Cid se dizem a disposição do PDT para as eleições presidenciais de 2018. “No momento não quero ser candidato, mas se em 2018 ocorrer a polarização entre PT e PSDB, disponho meu nome ao PDT para ganharmos a Presidência da República”, disse Ciro Gomes.

Ciro afirmou em entrevista à rádio O Povo-CBN, na manhã desta terça-feira (29), que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), “está articulando o impeachment da presidente Dilma para ele, Cunha, ser o presidente do Brasil. Isso ninguém está percebendo, mas ele está fazendo isso”.

Presente ao ato de filiação dos 63 prefeitos ao PDT, na noite de segunda-feira, 28, em Fortaleza, o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), descartou a possibilidade de sair do PT e ir para o PDT. Já a vice-governadora Izolda Cela acompanha os Gomes e também vai trocar o PROS pelo PDT. Extraído da Agência Estado.