Jornal da Chapada

O povo clama por Neto governador da Bahia, diz deputado líder da oposição na Alba

Segundo o deputado Leur Lomanto Jr., a vantagem de Neto com 54,5% da preferência do eleitorado confirma o clamor do povo por seu nome na disputa | FOTO: Divulgação |

A bancada de oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) repercutiu o resultado da pesquisa feita pelo Instituto Paraná Pesquisas, colocando o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), na liderança da corrida ao governo baiano. Segundo o líder da bancada, deputado Leur Lomanto Jr. (PMDB), a vantagem de Neto com 54,5% da preferência do eleitorado confirma o clamor do povo por seu nome na disputa, nas eleições de 2018 e o desejo de mudanças no comando do estado. “O grupo do governo atual não quer Neto candidato, mas essa já é uma candidatura da Bahia porque o povo quer o melhor para o seu estado e tem mirado no exemplo que tem sido a gestão do prefeito em Salvador”, afirma o líder Leur Lomanto Jr.

Segundo o parlamentar, apesar de toda a exposição do governador Rui Costa (PT) nas mídias, gastando fortunas em publicidade enganosa e em campanha pelo interior do estado, o povo da Bahia mostra que quer mudar. “O povo quer Neto governador porque reconhece o excelente trabalho que ele vem fazendo na capital baiana e como essa avaliação tem repercutido bem em todo o país”, ressalta. O deputado Pablo Barrozo (DEM) também lembra que os petistas pesaram na artilharia contra a administração do prefeito ACM Neto, nos últimos meses, mas frisa também que para o povo isso pouco tem importado.

“A população sabe discernir o que é falso e o que é verdadeiro e anseia por mudanças, enxergando em Neto um gestor competente, que promoveu grandes transformações na capital baiana e que pode fazer isso em todo o estado. A liderança que mudou Salvador é a mesma que vai mudar a Bahia, com uma política pautada no trabalho sério, prometendo aquilo que pode cumprir. O melhor prefeito do Brasil vai ser o futuro governador e, sem sombra de dúvidas, colocará a Bahia no rumo certo”, concluiu.

Pular para a barra de ferramentas