Jornal da Chapada

#Chapada: Caso do vereador ‘Tõe’ Campos tem novo capítulo e Câmara de Abaíra sofre outra derrota no TJ-BA

'Tõe' é candidato a vice-prefeito do município chapadeiro na chapa do PSB, representada por ele e pelo ex-gestor João Hipólito Rodrigues Filho.

A Câmara de Vereadores de Abaíra, na Chapada Diamantina, sofreu nova derrota no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) ao tentar cassar o mandato do vereador Antônio Cruz Campos (PSB). Movido pelo presidente da Casa, Norivaldo Luz Silva, e pelos vereadores da situação, o processo de agravo de instrumento, com pedido de efeito suspensivo, foi indeferido pela desembargadora Ilona Márcia Reis, na última sexta-feira (25).

Antônio, conhecido como ‘Tõe’ pela população abairense, segue apto a exercer o segundo mandato para qual foi eleito até dezembro de 2020. ‘Tõe’ é candidato a vice-prefeito do município chapadeiro na chapa do PSB, representada por ele e pelo ex-gestor João Hipólito Rodrigues Filho. Caso a chapa seja a vencedora, o político poderá tomar posse.

Para ‘Tõe’, a tentativa de impedir seu mandato faz parte do jogo de estratégias do grupo político concorrente, já que o presidente da Câmara de Vereadores é irmão do atual prefeito e candidato à reeleição em Abaíra, Edval Luz Silva.

“Eles tentam me tirar de cena, mas sem argumentos que fundamentem uma cassação. Alegam faltas, mas tenho declaração, assinada pelo próprio Norivaldo, de pagamento integral de todos os meus subsídios. Eu é que deveria processá-lo por improbidade administrativa”, afirma o edil.

“Mesmo perseguido, eu sigo forte na luta pelos direitos do povo de Abaíra. Essas pessoas que, na avaliação de quem está no poder, são coitadas, são iguais a mim. Nossa origem é a mesma”, completa ‘Tõe’. Com dados de assessoria.

Pular para a barra de ferramentas