Jornal da Chapada

#Chapada: Após decisão inédita do TSE contra votos recebidos pelo PP, Jacobina reconta votos para vereador

Teriam ocorrio candidaturas ‘laranjas’ na eleição de 2020 | FOTO: Divulgação |

A Câmara Municipal de Jacobina passará por recontagem de votos, após o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ter anulado os votos recebidos pelo Partido Progressista (PP), na eleição de 2020, por conta de candidaturas ‘laranjas’.

Segundo o advogado da ação, Neomar Filho, mulheres foram usadas apenas para compor um número na chapa. “A instrução processual demonstrou, com provas robustas, que houve fraude na formação da chapa de vereadores e vereadoras nas eleições de 2020 em Jacobina”, disse. Atualmente, ele conta que a decisão inédita já tem servido de base para outros julgados.

“O PP teve os votos anulados e perdeu uma vaga na Câmara Municipal. Com esse novo cálculo, o nosso cliente, Almir Lima, que será diplomado e empossado vereador da cidade. Sinto-me realizado por essa conquista em favor da democracia”, comentou.

Jornal da Chapada

Pular para a barra de ferramentas