Keila Simpson e Vinícius Alves assumem Centro LGBT na Bahia

Postado em fev 18 2014 - 12:17am por Jornal da Chapada
lgbt

Keila Simpson (esq) e Vinícius Alves (dir) durante encontro da ABGLT | FOTO: Reprodução |

O Centro de Promoção e Defesa dos Direitos LGBT, que vai funcionar em Salvador, já tem seus diretores. Tratam-se dos baianos Keila Simpson e Vinícius Alves, ambos da direção executiva da Associação Brasileira de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (ABGLT). O centro vai funcionar como uma ferramenta para atribuições e desenvolvimento de ações que combatam a discriminação e a violência, formação de profissionais para a promoção de uma cultura de respeito à diversidade sexual, acompanhamento dos dados da violência homofóbica no estado e promoção da cidadania LGBT.

“Vamos realizar atendimento social e jurídico gratuito às vítimas de violência homofóbica, além de serviços de informação sobre direitos humanos e da população LGBT na Bahia”, afirma a vice-presidenta Trans da ABGLT e diretora da Articulação Nacional de Travestis e Transexuais (Antra), Keila Simpson, que será a coordenadora executiva do centro LGBT. A publicação do convênio saiu na última quinta-feira (13), no Diário Oficial da União (DOU).

“Faremos do centro um equipamento de atendimento, mas também de luta política. Ele estará a serviço da promoção e da defesa da nossa cidadania LGBT, valorizando a pluralidade e a diversidade como um elemento central a ser protegido e fomentado na nossa democracia”, afirma o novo diretor Vinícius Alves. O centro será dirigido pela ONG Ação pela Cidadania e foi criado por meio de edital da Secretaria Especial de Direitos Humanos (SDH), que vai receber uma emenda do parlamentar federal Valmir Assunção (PT-BA), no valor de R$ 300 mil, para continuar as atividades até 2015.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.