Lewandowski nega pedido liminar para que Hirs volte ao TJ-BA

hirs

Ao negar o pedido, Lewandowski levou em consideração que o mandato de Hirs como presidente do TJ-Ba se encerrou no dia 3 de fevereiro deste ano | FOTO: Reprodução |

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), indeferiu o pedido de liminar em favor dos desembargadores Mário Alberto Hirs e Telma Britto contra a decisão do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que os afastaram das atividades judicantes no Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). A liminar requeria o retorno do desembargador ao tribunal baiano e foi negada pelo ministro no dia 28 de janeiro.

Ao negar o pedido, Lewandowski levou em consideração que o mandato de Hirs como presidente do TJ-Ba se encerrou no dia 3 de fevereiro deste ano, de solicitou informações a Corregedoria Nacional de Justiça sobre o mérito do afastamento dos desembargadores.

A petição, assinada pelo advogado Alberto Pavie Ribeiro, requereu a liminar ao presidente em exercício do STF, diante do encerramento do mandato do desembargador como presidente da Corte baiana e da suposta omissão do ministro Luís Roberto Barroso. Extraído do site Bahia Notícias.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.