#Salvador: ACM Neto anuncia quem comanda a Codesal temporariamente após prisão de Gustavo Ferraz

Postado em set 11 2017 - 5:28pm por Jornal da Chapada
g1

A declaração do gestor democrata foi dada durante coletiva que anunciou as atrações do Festival de Primavera | FOTO: Montagem do JC/Juliana Almirante/G1/Secom |

O prefeito ACM Neto (DEM) afirmou à imprensa, na manhã desta segunda-feira (11), que o cargo vago de diretor da Defesa Civil de Salvador (Codesal) está de forma temporária nas mãos do secretário de Cidade Sustentável, André Fraga. Esse anúncio foi feito três dias após a prisão do então diretor da Codesal, Gustavo Ferraz (PMDB), indicado por ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), também preso na última semana pela Polícia Federal (PF), depois que suas digitais foram identificadas em apartamento com mais de R$ 51 milhões em dinheiro vivo.

“Por enquanto, o secretário André Fraga, de Cidade Sustentável, responde hoje pela Codesal. A Codesal está ligada à Secretaria de Cidade Sustentável e o secretário André Fraga já teve desde a semana passada, a partir de um comando dado por mim, a incumbência de assumir a coordenação da Codesal até que então a gente possa definir um nome que, de maneira permanente, venha assumir a Codesal e tocar os trabalhos”, disse Neto.

A declaração do gestor democrata foi dada durante coletiva que anunciou as atrações do Festival de Primavera. ACM Neto não deu prazo para a definição conclusiva do substituto de Ferraz. O político destacou que a escolha está integrada a outras mudanças que pretende fazer no governo nos próximos dias. “Eu estou fazendo alguns ajustes essa semana. Eu estou fazendo algumas mudanças pontuais na nossa equipe de trabalho, que não se limitará apenas à escolha de um novo diretor para a Codesal”. Neto disse que serão feitas, ao menos, três mudanças pontuais. Os ajustes, entretanto, não foram antecipados.

Questionado se o posto que pertencia à Gustavo Ferraz será dado a algum outro integrante do PMDB, o prefeito disse que as escolhas têm motivações técnicas. “Aqui na prefeitura não tem cota de [partido] A, B ou C. Aqui na prefeitura todas as funções passam por uma análise minha e por uma decisão minha. O Gustavo Ferraz, ele já era anteriormente colaborador da prefeitura, na Diretoria de Habitação. Do ponto de vista técnico, ele vinha fazendo um bom trabalho na Codesal, o que não exime os fatos que estão aí postos, o que me fez tomar uma decisão imediata [pela exoneração]”. Com informações do G1.

Leia também
ACM Neto exonera chefe da Defesa Civil de Salvador preso acusado de ajudar Geddel
#Polêmica: Mãe de Geddel teria dito à PF que “o filho não é bandido, mas doente”

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

1 Comentário Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.