Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolítica

Presidenciável Aécio Neves foi a Feira e garante obras importantes para a cidade, diz deputado

aécio
Paulo Souto e Aécio durante evento em Feira de Santana | FOTO: Valter Pontes/Coperphoto |

O pré-candidato à presidência da república e presidente nacional do PSDB, Aécio Neves, esteve em Feira de Santana na tarde desta segunda-feira (12). O senador mineiro foi recebido pelo prefeito municipal José Ronaldo de Carvalho. Acompanhado pelo líder do PSDB na Câmara, Antonio Imbassahy, e pelos integrantes no estado da chapa majoritária da oposição nas próximas eleições, Paulo Souto e Geddel Vieira Lima, o presidenciável se reuniu com lideranças políticas e militantes da região. O deputado estadual Carlos Geilson (PTN) também participou do encontro.

Na oportunidade, o presidenciável criticou o “apego pelo poder” do governo de Dilma Rousseff, e declarou que isso resulta no aumento da inflação e em um cemitério de obras inacabadas. Toda esta ineficiência, segundo ele, gera uma série de problemas, entre eles a desconfiança do mercado externo para com a economia brasileira. Para Aécio, é obrigação desta chapa de oposição apresentar um modelo alternativo de governo, no qual “o interesse pessoal dá lugar ao interesse coletivo”, fazendo com que as pessoas voltem a acreditar na atividade política como instrumento para o fim dos problemas do país.

Aécio Neves também falou sobre a importância de que os recursos cheguem aos municípios. “Quando o PT assumiu o governo há 11 anos, 54% de tudo o que se gastava em saúde pública vinha da União. Agora, passados 11 anos, são apenas 47%. A União ainda se apropria de quase 70% de toda arrecadação”, pontuou. Segundo ele, os municípios em situação de dificuldades acabam sendo responsabilizados. E quando buscam apoio são tradados como se estivessem “pedindo um favor”. Pré-candidato ao governo do estado, Paulo Souto lamentou a alta taxa de homicídios na Bahia e criticou a situação da segurança pública no governo Jaques Wagner. “Não há mais confiança das corporações para com o governo. E a Bahia, que já foi o 4º estado menos violento do país, agora é o 5º mais violento”, frisou.

Para Geddel Vieira Lima, pré-candidato ao senado, o que é divulgado pelo Partido dos Trabalhadores (PT) foge à realidade. “É um governo de televisão. Na TV vemos a segurança pública ‘bombando’, enquanto os pais rezam com medo da violência quando os filhos saem de casa, e a gente vê hospital sendo invadido por marginais”, comentou. Geddel também fez duras críticas às obras de revitalização do Aeroporto Governador João Durval Carneiro. “Feira de Santana é a maior cidade do interior do estado e precisa de um aeroporto de verdade. Esse aeroporto que estão fazendo mais parece um puxadinho”, completou.

Aécio Neves revelou que fez questão de iniciar a campanha política na Bahia por admirar a gestão pública do prefeito José Ronaldo. Ele também falou sobre as demandas da cidade que devem ser atendidas, a exemplo do novo hospital regional. Ao fim do encontro, Aécio Neves se comprometeu a voltar em breve a Feira de Santana para receber o título de cidadão feirense e discutir questões centrais para a cidade e região. Também estiveram presentes no evento: o presidente estadual do Democratas, José Carlos Aleluia, o suplente de deputado federal Colbert Martins (PMDB), o suplente de senador Zé Chico (DEM), além de diversos deputados estaduais, vereadores e outras lideranças e associações.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios