Dilma e Aécio cancelam agendas por conta da morte de Eduardo Campos

dilma e aecio

Ambos os presidenciáveis lamentaram a morte do socialista | FOTO: Reprodução |

A presidente Dilma Rousseff (PT) e o presidenciável Aécio Neves (PSDB) cancelaram todas as atividades de campanha previstas para esta quarta-feira (13) por conta da morte do candidato à Presidência da República Eduardo Campos (PSB), em um desastre de avião. Ambos devem ir para Pernambuco para o velório do ex-governador, juntamente com o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. Campos foi Ministro de Ciência e Tecnologia do petista entre 2004 e 2005. O cancelamento da agenda de Dilma inclui também a entrevista para o Jornal Nacional na noite desta quarta, compromisso que Campos cumpriu nesta terça e foi a sua última aparição pública.

Em nota divulgada nas redes sociais, o tucano lamentou a morte do concorrente. “É com imensa tristeza que recebi a notícia do acidente que vitimou o ex-governador e meu amigo Eduardo Campos. O Brasil perde um dos seus mais talentosos políticos, que sempre lutou com idealismo por aquilo em que acreditava. A perda é irreparável e incompreensível. Nesse momento, minha família e eu nos unimos em oração à família de Eduardo, seus amigos e a milhões de brasileiros que, com certeza, partilham a mesma perplexidade e pesar”, afirmou. Redação do Bahia Notícias.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.