Mundo: Suspeitos do massacre do Charlie Hebdo morrem durante operação em Paris

Postado em jan 9 2015 - 1:43pm por Jornal da Chapada
mundo

| FOTO: Reprodução/AFP |

Operações policiais quase simultâneas encerraram os dois sequestros que estavam em andamento na França nesta sexta-feira (9). Os irmãos Said e Cherif Kouachi, suspeitos do massacre de quarta-feira (7) ao jornal satírico Charlie Hebdo, e um sequestrador que mantinha reféns em uma loja judaica em Paris morreram. Os reféns foram libertados com vida. Três policiais ficaram feridos durante a operação na loja. O Diretor-Geral da Gendarmeria Nacional, força policial francesa, confirmou ao jornal “Le Monde” que os irmãos Kouachi foram mortos na ação da polícia.

Os irmãos Kouachi saíram atirando do prédio em que mantinham reféns, segundo uma fonte policial ouvida pela agência France Presse. Várias explosões e tiros foram ouvidos nas proximidades da empresa gráfica na localidade de Dammartin-en-Goële, a noroeste de Paris, onde os irmãos se refugiaram nesta manhã, depois de uma troca de tiros com a polícia francesa.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

1 Comentário Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.