Entidades solicitam à Uefs adoção de nome social para travestis e transexuais

Postado em jan 28 2015 - 10:19am por Jornal da Chapada
uefs

A solicitação foi encaminhada à Administração Central da Uefs pelo Coletivo Quitérias de Diversidade Sexual e de Gênero | FOTO: Ilustração/Bernardo Bezerra |

A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) poderá usar o sistema de adoção do nome social para travestis e transexuais, a exemplo de outras instituições de ensino superior, como a Universidade Federal da Bahia (Ufba), Universidade de Brasília (UnB) e Universidade de São Paulo (USP).

A solicitação foi encaminhada à Administração Central da Uefs pelo Coletivo Quitérias de Diversidade Sexual e de Gênero, que reúne pessoas da comunidade universitária, e pela Comissão Especial de Diversidade Sexual e Enfrentamento à Homofobia da Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Bahia (OAB-BA).

Protocolado na Reitoria pelo servidor técnico-administrativo e presidente da Comissão Especial de Diversidade Sexual e Enfrentamento à Homofobia da OAB/BA, subseção Feira de Santana, Leonardo Santana, e pelos estudantes Bruno Santana e Tuira Ribeiro, do Coletivo Quitérias, o documento será enviado para apreciação e deliberação do Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe).

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.