CidadesCuriosidadesEconomiaMenu Principal

Fiscalização no comércio é reforçada com proximidade do Dia das Mães

foto
Operação do Ibametro no Dia das Mães | FOTO: Alberto Coutinho/GOVBA |

A fiscalização está sendo reforçada nas lojas de artigos femininos de Salvador, devido à proximidade com o Dia das Mães, comemorado no segundo domingo de maio. Equipes do Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro), órgão ligado à Secretaria do Desenvolvimento Econômico (SDE), estão visitando diversos estabelecimentos e verificando aspectos como matéria-prima, peso e embalagem dos produtos oferecidos aos consumidores, além da precisão de equipamentos como balanças e bombas de gasolina. As irregularidades encontradas podem gerar multas.

O órgão recebe denúncias pelo Disque Ibametro (0800-0711888). Caso seja em Salvador, a denúncia é averiguada em cinco dias e, no interior, o denunciante recebe uma resposta em dez dias. Segundo o diretor de Regulação de Mercado do Ibametro, Edson Sales, a Operação do Dia das Mães dedica atenção especial aos produtos têxteis, que devem apresentar etiquetas contendo a origem, a matéria-prima e a forma de utilização do material.

“Estes produtos são largamente vendidos nesta época, mas o Ibametro tem alcance muito maior. A gente fiscaliza todos os instrumentos de medida do estado, os produtos pré-medidos e, além dos têxteis, fiscalizamos 468 produtos de certificação compulsória ou regulamentados. Tudo isso para evitar a concorrência desleal e proteger o consumidor e o meio ambiente”, explicou Edson Sales.

Segundo diretor-geral do Ibametro, Randerson Leal, em cada época, a fiscalização é reforçada em um segmento. “Na Páscoa, verificamos os congelados e pescados. Este ano a reprovação chegou a 73%. [Foi] muito maior que os 43% de irregularidades encontradas no ano passado. A gente fiscaliza produtos pré-medidos, que são embalados fora da vista do consumidor. [Também] são verificados instrumentos, bombas de gasolina, radares, balanças e certificado compulsório do Inmetro em produtos como brinquedos e carrinhos de bebê”.

foto
A Operação do Dia das Mães dedica atenção especial aos produtos têxteis | FOTO: Alberto Coutinho/GOVBA |

Empresários e consumidores
Trabalhando na Feira de São Joaquim há 40 anos, o permissionário Fernando Pereira diz que todos os anos o Ibametro realiza a fiscalização do seu equipamento. “É importante para o feirante ser fiel com o peso. Se não andar na linha perde o cliente. Nós queremos é que o cliente compre e confie, afinal o peso é uma medida fiel”.

Empresária do ramo de petshop, Karina Gusmão avalia que o trabalho do Ibametro é eficiente. “É segurança para a gente, que pode assim ter certeza de [nós] não sermos alvo de denúncia, e também para o consumidor, [pois] sabe que está levando o que está comprando”. Para a advogada Maria Florêncio, saber que os estabelecimentos são fiscalizados é uma segurança. “A gente fica vulnerável a estes equipamentos que podem ser violados. Se o órgão fiscaliza, a gente fica muito mais segura”.

Quem também se sente mais tranquila é a dona de casa Railda Santana. “A gente sempre fica em dúvida tanto que eu pedi que o camarão fosse pesado novamente. Há alguns dias, eu comprei um quilo de camarão e, quando pesei em casa, tinha só 800 gramas. Nós, que somos mãe de família e donas de casa, dependemos dos órgãos defensores”.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios
Pular para a barra de ferramentas