Pular para a barra de ferramentas
AssessoriaCidadesCuriosidadesMenu Principal

Avião com família de Luciano Huck e Angélica faz pouso de emergência no Mato Grosso do Sul

aviao
Em pane, avião faz pouso forçado com família Huck | FOTO: Reprodução/MS Record |

Um avião que transportava a família de Luciano Huck e Angélica fez um pouso forçado em uma área de pastagem, em Rochedo, nas proximidades na rodovia MS-080, na manhã deste domingo (24). Segundo informações do Corpo de Bombeiros, não houve vítimas graves entre as nove pessoas que estavam na aeronave. Os ocupantes foram levados em veículos particulares para Santa Casa de Campo Grande. Apenas o copiloto da aeronave foi resgatado pelo helicóptero do Esquadrão Pelicano que também compareceu para prestar auxílio às vítimas.

Além de Huck e Angélica, estavam no avião os três filhos do casal, duas babás, o piloto e o copiloto. Segundo informações, o avião saiu de Miranda, onde Angélica gravou cenas para um programa de televisão. A aeronave, modelo 820 C (EMB-820C Caraja), pousaria no Aeroporto Internacional de Campo Grande de onde a família seguiria viagem. A Torre de Controle em Campo Grande teria sido avisada pelo piloto sobre uma pane e a necessidade do pouso forçado. A manobra teria sido efetuada devido a um problema no tanque de combustível do avião.

foto
Angélica, Luciano Huck e os três filhos estavam na aeronave que fez um pouso de emergência no Mato Grosso do Sul | FOTO: Reprodução/R7/Marcus Pavão/AgNews |

A direção da Santa Casa informou que o casal ainda passam por exames para avaliar possíveis traumas. Exames avaliam suspeita de fratura na bacia da apresentadora e de um vértebra de Huck, que, até as 15h, não havia sido confirmada. Benício, filho do meio do casal, sofreu um corte no rosto. Os demais ocupantes passam bem. Segundo a direção do hospital, a família avalia a possibilidade de transferência para São Paulo.

foto2
Angélica e Huck aparecem em imagem em rede social | FOTO: Reprodução/Twitter |

De acordo com a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), o avião de prefixo PT-ENM é da empresa Mato Grosso do Sul Táxi Aéreo e foi fabricado pela Embraer. A aeronave está em situação de navegabilidade normal. Segundo informações da Aeronáutica, o avião, do modelo Embraer 820C, decolou da Estância Caiman, reserva do Pantanal, no município de Miranda, e seguiria para Campo Grande, num trajeto de cerca de 230 quilômetros. Por volta das 11 horas, o piloto informou aos controladores de voo uma falha no equipamento e avisou que faria um pouso de emergência.

A aeronave aterrissou em uma fazenda próxima à rodovia MS-080, a 30 quilômetros de Campo Grande. Logo depois do pouso, um helicóptero da FAB (Força Aérea Brasileira) saiu da base de Campo Grande e seguiu até o local para prestar os primeiros socorros. Segundo informações consultadas no site da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), a aeronave, com matrícula PTENM, estava com a certificação em dia, válida até junho de 2019. O avião pertence à empresa Mato Grosso do Sul Taxi Aéreo Ltda. A Aeronáutica informou que a equipe do Seripa 4 (Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes) já saiu de São Paulo rumo ao local do acidente para iniciar as investigações do acidente. Extraído do Portal R7.

Confira reportagem em vídeo da Rede Record:

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios