Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu PrincipalPolícia

Chapada: Advogado do Espírito Santo morre afogado no ‘Poço do Diabo’, em Lençóis

foto
O Poço do Diabo é um dos pontos turísticos mais visitados de Lençóis | FOTO: Reprodução/Tatiana Azeviche |

Um advogado do estado do Espírito Santo morreu afogado na cachoeira conhecida como “Poço do Diabo”, no município de Lençóis, na Chapada Diamantina. De acordo com informações do 11º Grupamento de Bombeiro Militar, o caso ocorreu por volta do meio-dia do último domingo (14). Os bombeiros não souberam dar maiores detalhes sobre as circunstâncias do incidente.

foto
O advogado Adriano Eliodório Gonçalves | FOTO: Reprodução/Facebook |

Segundo a delegacia da cidade, Adriano Eliodório Gonçalves, 37 anos, fazia uma excursão na localidade do “Poço do Diabo” quando acabou se afogando. Um guia chegou a pedir socorro para o advogado, que trabalhava na Câmara Municipal da cidade de Anchieta, no Espírito Santo, mas quando os bombeiros chegaram já encontraram Adriano sem vida. Não há mais detalhes sobre o afogamento.

O turista estava há alguns dias na cidade. Antes de partir para o passeio, chegou a atualizar suas redes sociais com fotos da viagem. A Câmara de Anchieta lamentou a morte de Adriano e suspendeu o expediente nesta segunda-feira (15) em memória do advogado. A Ordem dos Advogados do Brasil, seção Espírito Santo, também divulgou nota de pesar pela morte de Adriano.

O corpo do turista foi encaminhado para o Instituto Médico Legal de Irecê. O enterro acontece nesta terça-feira, na cidade de Piúma, a partir das 17h no Cemitério Parque Nova Esperança. As informações são do Correio24h e do Portal G1. Matéria atualizada às 16h00.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios