Pular para a barra de ferramentas
CidadesCuriosidadesMenu Principal

Leur Lomanto Jr. critica governo Rui e cita CPI das obras paralisadas

foto
O deputado estadual Leur Lomanto Jr. (PMDB) | FOTO: Reprodução |

As falhas do governo Rui Costa (PT), junto à ausência de perspectivas para a concretização de grandes obras no estado, como a Ponte Salvador – Itaparica, os novos aeroportos nas cidades do interior, além das instalações como a Jac Motors, que viraram apenas promessas foram citadas pelo deputado estadual Leur Lomanto Jr. (PMDB), ontem, durante entrevista a uma rádio. O peemedebista analisou os oito meses da gestão e deu destaque a falta de investimento no combate a violência no estado, além das intervenções paralisadas.

Segundo ele, o governo anterior deixou lacunas de planejamento, além de um rombo financeiro que impacta na administração atual. “O governador ainda não disse pra que veio, tentando cobrir o rombo deixado pela gestão anterior. Em 2014 para ganharem a eleição liberaram convênios para prefeitos, investiram absurdamente em propaganda, quebrando o estado”, disparou.

CPI
O deputado disse que “não vai faltar pressão” para que a CPI das obras paralisadas seja instalada na Assembleia Legislativa. A população precisa saber para onde foram as verbas, e porque tantas obras no estado estão paradas. Cadê as dezenas de escolas em todo o estado que tiveram as ordens de serviço lançadas em 2013 e inicio de 2014 e até hoje não foram entregues? E os hospitais como o de Seabra e o de Jequié que o governador prometeu entregar no primeiro semestre deste ano ? questionou. São 21 assinaturas no requerimento que deve ser apreciado em reunião da Mesa Diretora.

Leur Jr. lembrou o atraso de R$200 milhões em repasses às construtoras, recursos oriundos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (Fundeb) que teriam sido desviados e não aplicados na melhoria da educação do estado.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios