Chapada: Justiça derruba liminar e pré-candidato fica inelegível em Morro do Chapéu

Postado em jan 26 2016 - 8:21pm por Jornal da Chapada
redenção

João Humberto Batista pleiteava concorrer o cargo de prefeito nas eleições deste ano | FOTO: Reprodução/JC |

Uma decisão do juiz Benedito da Conceição dos Anjos, da 7ª Vara da Fazenda Pública, derrubou a liminar que permitiu a candidatura do atual presidente da Câmara Municipal de Morro do Chapéu, na Chapada Diamantina, João Humberto Batista. A decisão do magistrado torna o vereador inelegível pelos próximos oito anos.

Pré-candidato declarado à sucessão municipal, Batista teve as contas de 2010, quando, como agora, ocupava a presidência da Câmara, rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios, mas impetrou recurso obtendo uma liminar que permitiu que disputasse a eleição em 2012.

Com a queda da liminar e o julgamento do mérito da questão pela Justiça, prevalece o relatório do Tribunal que mantém o vereador na relação dos “ficha-suja” e o torna inelegível por oito anos além de proibi-lo de ocupar qualquer cargo público pelo mesmo período. Com isso, cai por terra a pretensão do vereador à sucessão municipal. A sentença foi publicada no último dia 22. Ainda cabe recurso. Redação do Política Livre.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.