CidadesCulturaCuriosidadesMenu Principal

Salvador: Música Preta Baiana volta a agitar o Pelourinho

foto67
O evento, promovido até dia 31 deste mês, propõe visibilidade a artistas negros e com trabalhos independentes | FOTO: Reprodução |

Cinco músicos baianos farão pocket shows gratuitos na próxima quinta-feira (17), às 20h, no Casarão do Lord, Rua São Miguel, nº7, no Pelourinho. Os músicos são Nara Couto, DJ Mauro Telefunksoul, Marcos Costa, Vanessa Melo e MC Daganja e reunirão MPB, música eletrônica, rap e identidades baianas na segunda edição do Música Preta Baiana. O evento, promovido até dia 31 deste mês, propõe visibilidade a artistas negros e com trabalhos independentes através de mostra de retratos assinados pela fotógrafa Débora Monteiro e apresentações musicais dos homenageados.

Na noite de shows, a bailaria e cantora Nara Couto fará um recorte de seu espetáculo Outras Áfricas, com releituras musicais contemporâneas de produções do continente africano e da Bahia. DaGanja, na estrada como rapper desde a década de 1990, levará dois convidados ao Música Preta Baiana para sua apresentação, que promete composições novas do próximo disco do MC, intitulado Diamante Bruto (com previsão de lançamento para maio de 2016).

Marcos Costa, conhecido por seu trabalho no bloco afro Ilê Aiyê, se apresenta em carreira solo com repertório eclético que caminha do rock à MPB. A cantora e instrumentista Vanessa Melo subirá ao palco com sua experiência de dez anos de estudo de clarineta. Já Mauro Telefunksoul, DJ e produtor cultural, que traz 25 anos de carreira, preparou seu set com o Bahia Bass, uma mistura da bassmusic mundial com o repertório de música e de cultura da Bahia. “Ir a fundo em cada som, sem medo da inovação nem da mistura”, diz o artista sobre seu lema de discotecagem. A visitação da mostra fotográfica está aberta de quinta a domingo, das 18 às 21h.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios