Pular para a barra de ferramentas
CidadesCulturaCuriosidadesMenu PrincipalMundo

Mundo: Sanfoneira holandesa faz versões de forró com estilo próprio

foto6
Roskam pôde aprimorar seus conhecimentos em Recife e no Rio de Janeiro | FOTO: Reprodução/São João na Bahia |

A holandesa Ilse Roskam tem 31 anos de idade toca sanfona há 23, mas há oito vem se dedicando a um ritmo tipicamente brasileiro. O forró. Ela é fã de música brasileira e, claro, teve influência direta de Luiz Gonzaga, o rei do baião. Ela já passou o São João em Caruaru, experiência que considera inesquecível, destacando a música, as comidas típicas e as pessoas. Professora de música de crianças, ela as ensina a tocar sanfona e outros instrumentos que fazem parte dos ritmos brasileiros.

Roskam pôde aprimorar seus conhecimentos em Recife e no Rio de Janeiro com sanfoneiros como Beto Hortis e Valkyria Nunes. “Quando fui para um clube de forró, não foi muito para dançar, mas fiquei lá com a sanfona no colo, tentando tocar baixinho junto com os músicos no palco”, conta a artista que já esteve no Brasil diversas vezes. Em suas passagens pelas terras brasileiras, ela também recorda a experiência com uma banda que mistura forró e música gospel. E foi exatamente junto com a banda Sal da Terra que gravou um disco juntando a música Europeia com o forró.

“No disco toca também minha amiga, a violinista Pauline, também da Holanda. Com ela ajudei a montar um projeto de música no Sertão, aquele lindo lugar de onde vem o forró, onde gravei o Xote das Meninas, de Luiz Gonzaga”,conta. Perguntada se aceitaria o convite de tocar em uma festa de forró, ela não titubeou: “Claro que sim, mas só se aparecer shows no Brasil, pois trabalho na Holanda neste período”. Com informações de São João na Bahia.

Jornal da Chapada

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios