Bahia bate recorde na quantidade de matrículas em universidades públicas

Postado em out 8 2016 - 2:36pm por Jornal da Chapada
ufba

Somando-se o ensino superior privado, o estado teve 326.536 matrículas em 2015, um acréscimo de 2,71% | FOTO: Reprodução |

Com mais de 100 mil matrículas presenciais em instituições públicas do ensino superior, a Bahia bate seu recorde que até então era de 96.778 matrículas, em 2014, um acréscimo de 3,93%. O número é do Censo de Educação Superior, relativo a 2015, divulgado na última sexta-feira (7) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), do Ministério da Educação (MEC). Somando-se o ensino superior privado, o estado teve 326.536 matrículas em 2015, um acréscimo de 2,71%.

O ex-reitor da Universidade Federal da Bahia (Ufba), Naomar Almeida Filho, comemorou o marco. “A Bahia era um dos estados com menor oferta de vagas públicas. Assumi a reitoria em 2002, quando a Ufba era a única federal. Fizemos um processo de interiorização, começando pela fundação da UFRB e criando os campi de Vitória da Conquista e Barreiras, hoje Federal do Oeste”, conta o hoje reitor da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB). Com informações do Política Livre e do Correio 24h.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.