Leilão do Estado arrecada R$ 1,88 milhão com venda de bens públicos

Postado em out 24 2016 - 7:00pm por Jornal da Chapada
leial

Os bens leiloados pertenciam a órgãos públicos que foram extintos na reforma administrativa | FOTO: Divulgação/Saeb |

Na última sexta-feira (21), o Leilão do Estado número 04/2016, arrecadou R$ 1,88 milhão com a venda de bens públicos. Organizado pela Secretaria da Administração do Estado (Saeb), o leilão arrecadou mais do que o dobro do esperado, já que os bens foram avaliados pelo Estado em R$ 841 mil. Ao todo, foram leiloados 298 lotes, compostos por centenas de itens como móveis, veículos, máquinas e aparelhos pertencentes a órgãos públicos que foram extintos ou que estão em processo de extinção.

O secretário da administração, Edelvino Góes, salientou a importância de o Estado converter ativos em recursos para o tesouro, vendendo bens públicos que estavam sem uso. “Em um período com tantas dificuldades econômicas em decorrência da queda de arrecadação tributária, o leilão aproveita bens públicos que estavam inservíveis e transforma em recursos importantes para o Estado”, explicou.

Os bens leiloados pertenciam a órgãos públicos que foram extintos na reforma administrativa realizada no início da atual gestão, a exemplo do Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia (Derba) e Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA). Depois que os órgãos são extintos, o patrimônio deles é colocado à disposição para ser reaproveitado por outros órgãos do Estado. Caso não haja interesse, os bens são levados a leilão.

O leilão foi realizado no Real Classic Bahia Hotel, no bairro da Pituba, conduzido pelo leiloeiro Eder Batista Regis, designado conforme listagem fornecida pela Junta Comercial do Estado da Bahia. Compareceram representantes de empresas, comerciantes, pessoas físicas e até interessados de outros estados (Alagoas, Pernambuco e Alagoas). As informações são da Saeb.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.