Governo beneficia mais de 40 mil pessoas com entrega de 17km de estrada pavimentada em Pindobaçu

Postado em dez 27 2016 - 1:38pm por Jornal da Chapada
maun

O vice-governador e secretário estadual do Planejamento, João Leão, acompanhado do secretário de Relações Institucionais, Josias Gomes, entregou a obra nesta terça | FOTO: Manu Dias/GOVBA |

Mais segurança para trafegar, menos tempo para chegar ao destino, economia na manutenção de veículos e valorização dos imóveis. Estes são alguns dos benefícios proporcionados pela pavimentação dos 17 quilômetros da BA S/C (Sem Código), no município de Pindobaçu, na região centro-norte baiana, ligando os distritos de Itapicuru, no entroncamento da BA 131, e Carnaíba. O vice-governador e secretário estadual do Planejamento, João Leão, acompanhado do secretário de Relações Institucionais, Josias Gomes, entregou a obra, na manhã desta terça-feira (27).

Além de facilitar o acesso de moradores que vivem nos povoados, a obra estimula a economia local, que possui forte vocação para a exploração de pedras preciosas como a esmeralda. “Tenho tido o prazer de acompanhar o governador Rui Costa em muitas inaugurações, mas esta aqui é diferente. Este povo vivia com um problema de estrada. Até [para chegar] à mina era uma dificuldade tremenda. A população sofria. Estes 17 quilômetros vão estimular o crescimento de Carnaíba”.

Moradores das cidades de Caém e Saúde também foram beneficiados com o investimento. A obra contou com recursos da ordem de R$ 12,9 milhões e era a principal reivindicação do município. Estima-se que 41 mil pessoas sejam beneficiadas com a nova estrada, pela qual passam cerca de 540 veículos todos os dias. A pavimentação vai até bem perto do ponto onde funciona o garimpo de esmeraldas. No trecho tem ainda a Barragem de Pindobaçu, gerida pela Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb).

manu

Moradores das cidades de Caém e Saúde também foram beneficiados com o investimento | FOTO: Manu Dias/GOVBA |

Minerador há quatro décadas no distrito de Carnaíba de Cima e membro da Cooperativa de Mineradores da Bahia, Sivaldo Pereira Nascimento, o mais conhecido como ‘Bolinha’, informou que a obra é o maior investimento já realizado por um governo na região. Ele disse ainda que 9,8 mil garimpeiros tiram da exploração mineral o sustento familiar. “Em toda a região da Serra da Carnaíba são 30 mil garimpeiros. Aqui, não foi só Carnaíba que desenvolveu [com a obra]. Foi Campo Formoso, Senhor do Bonfim, Jacobina, Saúde e Umburanas”.

Comerciante e morador do povoado de Itapicuru, Edvaldo Belo ressaltou que a obra beneficiou toda a região. “Foi boa pra todo mundo. Pra quem tem carro e pra quem não tem. Pra mim, valorizou o comércio”. Já o taxista José Amorim, que vive no distrito de Caraibinha, em Campo Formoso, a pavimentação do trecho era o que faltava para a exploração, escoamento comercialização, inclusive de pedras preciosas. “Tenho 40 anos no Garimpo da Carnaíba e toda a vida aqui era estrada de chão. Agora, graças a Deus, melhorou 1.000%, porque hoje é pista”.

Cerca de 120 operários trabalharam na obra, a maior parte, mão de obra local. Entre eles, Hélio Carvalho, morador de Cajueiro, zona rural de Pindobaçu. Para o profissional, foi realizador fazer parte de um projeto que mudou para melhor a rotina de amigos e familiares. “Nosso povo está muito agradecido. Nunca aconteceu uma obra igual a essa na região”.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.