Chapada: Exames confirmam febre amarela em paciente de Itaberaba levado a hospital de Salvador

Turista foi encaminhado de Itaberaba para o Hospital Couto Maia, em Salvador | FOTO: Elói Corrêa/GOVBA |

O caso de febre amarela de um turista que estava em Itaberaba, na Chapada Diamantina, e foi transferido para Salvador esta semana, foi confirmado após exames pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), no início da tarde desta quinta-feira (11). O resultado deu positivo para febre amarela do paciente que foi transferido da UPA 24hs em Itaberaba para o Hospital Couto Maia, centro de referência em doenças infectocontagiosas no estado. A Sesab ofereceu a estrutura para o bloqueio do vírus.

Após a confirmação, a gestão municipal estendeu a vacinação para toda a população, de 9 meses a 59 anos de idade. Vale lembrar que a partir dos 60 anos a vacina só é dada com prescrição médica. A cobertura total de vacinação foi dada pelo governo estadual e todas as unidades de Saúde estão aptas para ministrar a vacina. É importante levar o cartão de vacinação, o cartão do SUS e um documento de identificação.

Quem já se vacinou permanece imunizado, não sendo necessário repetir a dose. Com a confirmação da doença, as ações, que começaram a ser desenvolvidas desde a suspeita, serão intensificadas em toda a cidade. A prefeitura afirmou que o carro ‘fumacê’ já está circulando nos bairros onde o paciente transitou e um novo cronograma está sendo feito pra abranger toda Itaberaba.

A cidade chapadeira não é área de risco para febre amarela, esse é um caso proveniente de São Paulo. A gestão ‘Cidade de Todos’, do prefeito Ricardo Mascarenhas (PSB), se solidarizou com a família do paciente, e se colocou à disposição. Jornal da Chapada com informações de assessoria.

Sobre o Autor

3 Comentários Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.