#Bahia: Jovem de 15 anos de Euclides da Cunha passa em vestibular para Medicina em Sergipe

Postado em mar 5 2018 - 12:52pm por Jornal da Chapada
foto

Com 774,98 pontos na prova objetiva e 940 pontos na Redação, Matheus Henrique garantiu vaga em um dos cursos mais concorridos do Brasil através do Sisu |
FOTO: Divulgação/Acervo Pessoal |

O jovem Matheus Henrique Costa Xavier, de apenas 15 anos, ganhou fama em Euclides da Cunha, no nordeste baiano, onde vive, após ser aprovado no curso de Medicina da Universidade Federal de Sergipe (UFS). Não para menos, a aprovação do estudante, o coroinha da Igreja, passou a ser o assunto mais comentado da região. Com 774,98 pontos na prova objetiva e 940 pontos na Redação, Matheus Henrique garantiu vaga em um dos cursos mais concorridos do Brasil através do Sisu. De forma modesta, ele diz que o feito foi alcançado graças à sua dedicação: nove horas de estudo por dia. “Não estudei tanto quanto gostaria, mas consegui ver todos os assuntos”, comenta o adolescente, que fazia cursinho pré-vestibular online no turno oposto ao colégio.

Considerado “super dotado” por especialistas em educação logo nos primeiros anos de vida, quando a mãe dele foi orientada a adiantar duas séries no ensino infantil, Matheus Henrique estudou no Centro Educacional Elo, instituição particular onde ingressou aos 11 anos, graças a uma campanha do colégio em que o aluno que possuía a maior média anual era contemplado com a bolsa integral. “Ganhei a bolsa do 9º ano e mantive até o final do ensino médio”, conta o garoto, que sempre foi motivo de orgulho para a família. Acostumado a ser o mais novo de todas as turmas pelas quais passou, o futuro médico afirma que está um pouco receoso em relação à rotina que está por vir.

“Sempre fui o mascote da turma, no primário era algo normal. Quando fui para o Fundamenta II, senti mais o impacto, já que meus colegas eram adolescentes, enquanto eu era bem mais novo. Nos últimos anos, porém, o relacionamento ficou um pouco melhor, a idade já não era um empecilho. Agora estou novamente receoso, mas todos estão sendo bem receptivos e calorosos, e espero que seja uma ótima experiência”, revelou entusiasmado.

Embora as aulas só comecem em 11 de junho, Matheus Henrique já participou do tradicional “trote” feito para os calouros e pretende mudar para o vizinho Sergipe em abril. “É uma grande mudança, mas estou bastante ansioso para essa nova fase, mal posso esperar. Acho que a faculdade é um momento de amadurecimento e isso vai me ajudar a crescer bastante”, comenta o estudante. “Não, eu não sou o melhor de todos, eu não sou o mais inteligente ou mais sábio. Eu somente consegui chegar neste ponto pelo apoio que tive de todos. Eu só tenho a agradecer porque sempre eles tiveram ao meu lado, sempre acreditaram em mim e no meu sonho”, declarou o euclidense. Jornal da Chapada com informações de Agora na Bahia.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.