Festival de Música Regional da Chapada Diamantina é marcado por composições de qualidade em Nova Redenção

Postado em abr 30 2018 - 2:17pm por Jornal da Chapada
fto34

Dos 24 candidatos, 12 foram selecionados e se apresentaram na noite do último sábado no Largo da Lira Filarmônica em Nova Redenção | FOTO: Divulgação |

A final do VI Festival de Música Regional da Chapada Diamantina, realizado em Nova Redenção, foi marcada pela emoção. Os 12 selecionados se apresentaram na noite do último sábado no Largo da Lira Filarmônica, após dois dias de audições com participação de 24 candidatos. Quem se sagrou vencedor, com a composição ‘Brasil dos Invisíveis’, foi o cantor Zebeto Corrêa, que além do troféu pelo 1º lugar, ainda saiu com o prêmio de R$7 mil.

O público, que lotou o local do festival, aplaudiu todos os concorrentes, mas se encantaram com outros vencedores. Diorgem Ferreira, ficou com a segunda colocação, com a canção ‘Manhã Serena’ e levou o prêmio de R$4 mil. Com a composição ‘Rio Bento’, Cícero Gonçalves dos Santos ficou com o terceiro lugar e levou R$3 mil para casa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Outras premiações da noite foram para Paulo Macêdo, como melhor intérprete, Gerri Cunha, com melhor letra, Almirante Meireles, que é de Nova Redenção, levou o prêmio de revelação, e o grupo Mandassaia, que ficou com o prêmio de Melhor trabalho de Cultura Popular. Outros artistas que receberam troféus foram a cantora de Redenção, Ivani Rocha Gomes, com a música ‘Sinfonia da Passarada’, Zé Araújo, com ‘Preço e apreço’, e Saulo Fagundes, com a canção ‘O amor de um guerreiro’.

O festival é um projeto idealizado pelo ex-prefeito e líder político do município, Ivan Soares, e só retornou em 2017, após interrupção de quatro anos, por questões políticas. A prefeita Guilma Soares (PT), inclusive, participou ativamente de todo o processo, estando presente durante todas as audições do corpo de jurados, que foi formado por intelectuais e músico renomados, como Gilton Della Cela, Fábio Paes e o forrozeiro Hugo Luna. O evento aconteceu pela primeira vez em maio de 2009, com participação de 16 cidades da região.

Jornal da Chapada

Confira o resultado da competição
1° Lugar:
Música: O Brasil dos Invisíveis, composição José Roberto Corrêa Ribeiro, intérprete Zebeto Corrêa.
2° lugar:
Música: Manhã Serena, composição Diorgem Ferreira Ramos Júnior, intérprete Diorgem Ferreira;
3° Lugar:
Música: Rio Bento, composição Cícero Gonçalves dos Santos, intérprete Cícero Gonçalves dos Santos
4° lugar:
Música: Umbuzeiro Encantado, composição Edilson dos Santos Barreto, intérprete Drago Macambira.
5° Lugar:
Música: Codinome Lampião, composição Natália de Carvalho Silva, intérprete Natália de Carvalho.

Revelação: Choro no Sertão, composição Adenilton Ribeiro (Doinha), intérprete Almirante Meireles
Melhor trabalho de cultura popular: Lamento de lavadeira, composição Tatiana Ramalho da Silva Cardoso, intérprete Grupo Mandassaia.

Outros que também receberão troféu: Ivani Rocha Gomez, com a música Sinfonia da Passarada, composição de Antônio Bispo dos Anjos (Manchinha) e Zé Araújo, pela música Preço e apreço, de José Araújo Lopes.

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

1 Comentário Sinta-se livre para participar desta conversa.

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.