#Brasil: Distribuição de cerveja é afetada pelos bloqueios de protestos dos caminhoneiros

Postado em maio 29 2018 - 10:58am por Jornal da Chapada
capa

A Heineken Brasil, por exemplo, declarou que suas operações foram afetadas, e o abastecimento às cidades brasileiras pode ser afetado | FOTO: Reprodução |

Entre os itens de consumo com distribuição afetada pelos protestos de caminhoneiros contra o aumento do diesel e por redução de impostos, dentre outras pautas. Duas das maiores cervejarias em operação no Brasil afirmaram no começo da semana que estão passando por dificuldade de logística do transporte da bebida. Não há informações sobre a situação na Bahia, mas algumas cidades do interior também correm o risco de faltar bebidas, segundo relatos de moradores.

Ao UOL, a Heineken Brasil declarou que suas operações foram afetadas, e o abastecimento às cidades brasileiras pode ser afetado. A distribuidora também é dona de marcas como Eisenbahn, Devassa, Sol, Kaiser, Amstel e Schin. A companhia afirmou ainda que “está trabalhando para minimizar os impactos da greve para seus fornecedores e clientes”. Com informações são do UOL e do site Bahia.ba.

Leia também

Chapada: Caminhoneiros paralisados em Itaberaba prometem resistir e não reconhecem negociações

Chapada: Festival de Lençóis confirmado mesmo com greve dos caminhoneiros; veja quem vai tocar

Combustíveis ainda escassos na Chapada Diamantina; prefeituras mantêm serviços essenciais

Sobre o Autor

| Bem vindo ao espaço virtual do JORNAL DA CHAPADA |

Deixe Uma Resposta

Você deve ser logando em para postar um comentário.